sexta-feira, 26 de Outubro de 2012 06:47h Luciano Eurides

Taça Amobi juvenil começa com muita rivalidade

A organização da Taça Amobi realizou a primeira partida do quadrangular da categoria juvenil e o jogo terminou antes do tempo regulamentar, o Minas não aprovou a arbitragem e a partida foi interrompida antes do final. O Vasco B vencia o jogo, mas a direção da equipe não garante a permanência e assim o torneio pode ser encerrado.

 


O Vasco B, saiu na frente com um gol de Mateus. O Minas se recuperou e empatou com um gol do bom atacante  Mayck. Aos 35, Batata aproveitou a cobrança de escanteio e marcou o segundo gol do alvinegro. A direção do Minas já reclama exageradamente da arbitragem e o treinador já havia sido excluído do banco de reservas.

 


No segundo tempo o Minas chegou ao empate com uma linda jogada de Tiago. Ele ganhou a bola no meio campo, driblou dois marcadores e cruzou para Mayck empatar a partida. O Vasco da Gama chegou ao terceiro gol em uma cobrança de escanteio, Mateus marcou o segundo dele no jogo. Após o gol muita reclamação de um possível impedimento no lance que originou o escanteio. Plínio foi expulso e o time do Minas se revoltou. A coordenação orientou para o fim da partida. Felipe, atleta do Minas, chutou a bola em direção do árbitro.

 


A equipe do Vasco da Gama não definiu se continua na competição, pois haverá uma avaliação sobre a integridade física exposta frente a atletas de idade superior, o Vasco contem apenas atletas nascidos em 1996 e 1997, outras contam atletas 95 e 96. Também será avaliada a segurança necessária para a realização dos jogos. O alvinegro participa com duas categorias A e B. O outro participante é o União Belvedere,  também em disputa na Imef e Atila Júlio do Amaral também estará revendo a participação. O Minas pode ser excluído da competição.

 


Certo é que a arbitragem única, não em trio, facilita para a reclamação e coloca em xeque o arbitro em cada lance. A presença de auxiliares certamente teria evitado parte da polêmica. A grande maioria dos atletas do Minas não se envolveram na confusão, muito pelo contrário, foram leais e ordeiros.
O Minas em campo com Adson, Thiago, Plínio, Eduardo, Bruno, Natan, Felipe, Luis, Rafael, Guilherme e Mayck. O treinador é Jonatan Alves.

 


O Vasco B comandado por Delano de Gabriel, Gustavp, Alan, Batata, Igor, Cotonho, Igor Rodrigo, Luan, João Vitor, Gustavo Kenedy e Mateus.

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.