sábado, 8 de Novembro de 2014 04:26h

Tardelli é punido com quatro jogos

O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) puniu o atacante Diego Tardelli com quatro jogos de suspensão e multa de R$ 10 mil por xingar o árbitro Elmo Alves Resende Cunha na partida contra o Bahia, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro

A decisão é em primeira instância e cabe recurso.
O advogado Daniel Ottoni entrará com pedido de efeito suspensivo nas próximas horas para o clube poder contar com Tardelli na partida contra o Palmeiras, neste sábado, às 19h30, no Pacaembu.
Vale ressaltar que a punição é válida apenas para o Campeonato Brasileiro. Portanto, o camisa 9 está liberado para atuar nas finais da Copa do Brasil.
Tardelli foi denunciado pela Procuradoria do STJD por dupla ofensa contra o árbitro e respondeu por duas infrações ao artigo 243-F do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD) – ofender alguém em sua honra. A pena prevista era de suspensão de uma a seis partidas e multa de até R$ 100 mil por infração.
O atacante foi expulso no fim da partida contra o Bahia após ofender o árbitro goiano, que anulou de forma acertada seu gol aos 45 minutos do segundo tempo. Na súmula da partida, Elmo Resende Cunha relatou o motivo da expulsão do atacante atleticano. “Expulsei com cartão vermelho direto de campo de jogo aos 45 minutos do segundo tempo, o atleta de numero 9 Sr. Diego Tardelli Martins da equipe clube Atlético Mineiro, por ter me ofendido moralmente com as seguintes palavras: 'você é um merda, seu merda, seu merda! desde o primeiro tempo você só complica! seu fraco!' após a expulsão, o atleta em pauta continuou dizendo as seguintes palavras: 'safado, safado, safado, seu merda!' fato ocorrido logo após a marcação de uma falta contra sua equipe”, escreveu.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.