quarta-feira, 29 de Agosto de 2012 10:39h Gazeta do Oeste

Técnico José Mourinho briga com jogadores do Real

Segundo o diário espanhol, Mourinho acusou os jogadores de falta de concentração durante as partidas, chamando-os de preguiçosos e culpados pelos resultados negativos contra Getafe e Valência

A sequência de resultados negativos no início de temporada já tem reflexo no clima dentro do Real Madrid. De acordo com o jornal El País, o treinador José Mourinho reuniu os jogadores na última segunda-feira para conversar sobre os motivos que levaram o atual campeão espanhol a ter duas derrotas e um empate nos primeiros jogos. No entanto, a conversa teria sido marcada por acusações de ambos os lados e expressões ofensivas.

 

 

Segundo o diário espanhol, Mourinho acusou os jogadores de falta de concentração durante as partidas, chamando-os de preguiçosos e culpados pelos resultados negativos contra Getafe (derrota por 2 a 1) e Valência (empate por 1 a 1), pedindo que façam uma autocrítica.

 

Em retorno, teria ouvido do goleiro e capitão Iker Casillas, incomodado pelas críticas públicas do português em coletiva de imprensa após o jogo do último domingo, que ele próprio deveria fazer uma autocrítica.

 

 

Outro que se levantou contra o técnico, ainda segundo o jornal, foi Sérgio Ramos. Ele assumiu a culpa no gol de empate do Getafe no confronto pelo Campeonato Espanhol, mas acusou Mourinho de proteger alguns membros do elenco enquanto dispara publicamente contra outros.

 

A crítica do espanhol foi em relação à postura com Fábio Coentrão, que apesar de ter perdido o duelo com Pedro na primeira partida da Supercopa da Espanha, teve a atuação classificada como "perfeita" pelo treinador.

 

 

Essa não é a primeira vez que o português entra em choque com o elenco madrileno. Na temporada passada, após perder para o Racing Santander, Mourinho também convocou uma reunião para resolver problemas. Na ocasião, foi acertado um código de convivência, comemorado com um churrasco. Após a reunião de segunda, foi acertado que todos trabalhariam como profissionais para vencer o jogo contra o Barcelona nesta quarta, pela volta da Supercopa da Espanha.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

JORNAL DO BRASIL

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.