quarta-feira, 8 de Abril de 2015 09:58h

Thiago Ribeiro se coloca à disposição para o clássico

O atacante Thiago Ribeiro, novo reforço do Atlético para a temporada 2015, desembarcou em Belo Horizonte na manhã desta terça-feira e já realizou os exames médicos de rotina

Caso seja aprovado, o jogador, emprestado pelo Santos por 14 meses, pode assinar contrato e ser apresentado ainda nesta terça.
Thiago Ribeiro falou com a imprensa na saída da clínica e disse que já vive a expectativa de ser relacionado pelo técnico Levir Culpi para o clássico deste domingo, contra o Cruzeiro – clube que já defendeu –, pelas semifinais do Campeonato Mineiro. Para isso, ele precisa ter o nome registrado no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF até esta quarta, quando se encerra o prazo de inscrição no Estadual. “Tenho 29 anos. Já perdi as contas de quantos clássicos já joguei. É um jogo especial. A motivação é diferente. Além de clássico, pode ser a minha estreia, se eu for relacionado para o jogo. É diferente estrear já em um clássico, ainda mais em uma fase de mata-mata. Isso é inédito na minha carreira. Estou tranquilo e espero começar com o pé direito. Se tiver a oportunidade, marcando gol”, disse Ribeiro.
O atacante também elogiou o elenco alvinegro, mas deixou claro que seu objetivo é buscar um lugar no time. “Venho para ajudar o grupo. Todos os jogadores têm que buscar o espaço. Sei que o Atlético tem vários jogadores de qualidade, especialmente no ataque, e eu respeito todos. O Atlético vai estar bem servido. Espero mostrar nos treinamentos que tenho condição de jogar”, concluiu o novo reforço atleticano.
O Atlético já tem 14 jogos oficiais nesta temporada e o armador Guilherme vive a expectativa de estrear em 2015. Recuperado de uma lesão muscular, o meia se diz pronto para ajudar o Atlético nos momentos decisivos que se aproximam.
Decisivo nas conquistas da Libertadores de 2013 e da Copa do Brasil do ano seguinte, Guilherme reaparece justamente no momento de definição. Nesta quinta-feira, o Atlético recebe o Santa Fé, no Independência, em jogo que vale o futuro do time na Libertadores 2015.
Três dias depois, o Galo terá o clássico contra o Cruzeiro, pela semifinal do Mineiro. As duas partidas serão no Independência. “Acho que é o melhor momento. Estou muito feliz de retornar, de poder treinar com os companheiros, de conviver com esses momentos [decisivos]. Me preparo a cada dia mais para ficar inteiro e jogar o quanto antes”, comentou o armador.
Guilherme conta que se preparou física e psicologicamente para o confronto desta quinta-feira. “Espero que meus treinamentos estejam dentro do esperado pelo treinador e que eu possa ser relacionado”, disse o armador.

Libertadores
O meia atleticano espera que o Horto faça a diferença diante dos colombianos, como ocorreu na Libertadores de 2013, quando o Atlético conseguiu viradas emocionantes no estádio. Em uma delas, contra o Newell's Old Boys, Guilherme fez o gol salvador que levou a decisão da vaga para a disputa de pênaltis. “O Independência é muito positivo para a gente. Desde quando o estádio foi reinaugurado, temos tido jogos interessantes lá, quase que irrevisíveis, assim como tem sido no Mineirão, mas o Independência tem a nossa cara, principalmente nos jogos da Libertadores”, disse o jogador, que convoca a torcida. “Quem fez o Horto se tornar o que é foi a presença do torcedor. A gente espera mais uma vez que ela compareça”, destacou.

Leia Também

Imagem principal

23 de Maio

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.