quarta-feira, 1 de Agosto de 2012 11:05h Gazeta do Oeste

Tiago Camilo vai à semifinal e luta por ouro no judô

 Duas vezes medalhista olímpico no judô, Tiago Camilo mostrou nesta quarta-feira que, aos 30 anos, quer conseguir o primeiro ouro da sua carreira. Ele venceu três lutas nesta manhã em Londres - duas delas por ippon -, dominando completamente os rivais, e já está na semifinal da categoria dos médios, de até 90kg.

 

Na semifinal, o adversário de Camilo será o sul-coreano Dae-Nam Song, 17.º do ranking mundial, responsável por eliminar, nas quartas, o japonês Masashi Nishiyama, segundo do mundo. Na outra semifinal lutam o cubano Asley Gonzalez e o russo Kirill Denisov. Bicampeão mundial e atual campeão olímpico, o grego Ilias Iliadis, considerado o melhor do mundo na categoria, caiu diante do russo nas quartas.

 

CAMPANHA - Na estreia, Tiago Camilo venceu o ucraniano Roman Gontiuk, o 23.º do ranking olímpico, com um belíssimo ippon no terceiro minuto. Até então, os dois tinham um shido por falta de combatividade.

 

Depois, o adversário foi o italiano Roberto Meloni, adversário que não deve gostar muito de brasileiros, tendo sido eliminado por Flávio Canto em Atenas/2004 e por Eduardo Santos em Pequim/2008. E a sina dele continuou contra Camilo, que mais uma vez começou a luta estudando o rival - o que promoveu punição a ambos. No meio do combate, conseguiu um yuko e, já no minuto final, mais um belo ippon para avançar às quartas de final.

 

Contra o usbeque Dilshod Choriev, medalhista de bronze no Mundial de 2009, e terceiro cabeça de chave em Londres, mais uma vez só deu Tiago Camilo. O brasileiro não deixou o rival acertar a pegada, procurou a vitória o tempo todo, e venceu por conta de duas advertências a Choriev, o que configurou um yuko para Tiago Camilo.

 

Depois da eliminação de Leandro Guilheiro, no dia anterior, na categoria até 81kg, Tiago Camilo agora é o único judoca brasileiro que pode chegar à marca histórica e inédita de três medalhas olímpicas. Ele faturou prata em Sydney/2000 (na categoria até 73kg) e bronze em Pequim/2008 (na categoria até 81kg.

 

 

 

 

 

 

O TEMPO

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.