quarta-feira, 27 de Abril de 2016 09:39h Site oficial America-MG

Tony reforça a importância da classificação na Copa do Brasil

Meia americano destaca que o time entra em campo sempre para vencer e ressalta que a obrigação do Coelho é de chegar às finais das competições nacionais

O América vive um momento especial. Classificado para as finais do Campeonato Mineiro, o Clube interrompe uma ausência de quatro anos na decisão Estadual e tem a grande oportunidade de quebrar um tabu de 15 anos sem o título Mineiro. Mas, antes de encarar o rival Atlético no primeiro confronto do Mineiro, domingo, o time americano faz outra decisão. Na quinta-feira, enfrenta o Red Bull Brazil, às 19h15, também na Arena Independência.

O time segue sua preparação com muito entusiasmo, mas os jogadores não escondem que manter o foco na decisão da Copa do Brasil, sem pensar também no Mineiro, é uma tarefa difícil. O jogo contra a equipe paulista será o segundo da primeira fase. Na partida de ida, em Campinas, o jogo ficou empatado em 1 a 1.

 

 

 

O Coelho tem uma pequena vantagem de se classificar com um empate sem gols. Porém, o meia Tony destaca que o América entrará em campo para vencer o Red Bull dentro de casa.

“Temos a chance de passar para a próxima fase, e fizemos um gol fora, o que não deixa de ser uma vantagem. Se tiver que dar qualquer resultado que não seja ótimo, que seja um 0 a 0 que nos classifique. Agora, é claro que a gente entra em campo para vencer, sempre, por um a zero, por dois, por três, pelo resultado que for. A ideia é essa: entrar sempre para vencer”, enfatiza.

 

 

 

Tony reconhece a importância da partida de quinta-feira pela Copa do Brasil. O jogador destaca que a equipe americana irá para o confronto com a concentração elevada e salienta a obrigação de um Clube centenário como o América estar sempre nas fases finais de competições relevantes, como é o caso da Copa do Brasil.

Além disso, o meia  observa que o jogo contra o Red Bull Brasil também irá servir de preparação para a decisão de domingo (1/5), contra o Atlético, pelo Estadual.

“O jogo de quinta é importante, porque um clube centenário como o América tem que estar participando de competições nacionais em bom nível. Não podemos sair na primeira fase, o América não pode ficar de fora das fases finais de uma Copa do Brasil. Então é um jogo importantíssimo que a gente vai com a maior concentração possível e já preparando para o clássico de domingo”, explica Tony.

 

 

 

RITMO INTENSO

Os jogadores americanos seguem treinando em ritmo intenso no CT Lanna Drumond. Os atletas participaram de um trabalho físico e uma atividade tática em campo reduzido, comandada pelo técnico Givanildo Oliveira, na tarde desta terça-feira (26/4).

O time americano também treinou cobranças de pênaltis, algo que pode ocorrer caso o empate por 1 a 1 se repita com o Red Bull Brasil.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.