segunda-feira, 14 de Novembro de 2011 15:29h Atualizado em 15 de Novembro de 2011 às 06:46h. Luciano Eurides

Torneio da área da saúde

Pronto Socorro é campeão

O Pronto Socorro sagrou-se campeão do Torneio da Área de Saúde de Divinópolis, na tarde do último sábado, no poliesportivo do Niterói. A Unimed ficou com o vice e a Associação de Combate ao Câncer do Centro Oeste de Minas (ACCCOM) em terceiro. A conquista foi nos pênaltis, depois de uma grande partida, que terminou 5x5. Jasmasson, goleiro do PSR foi o grande destaque.


O time do Pronto Socorro Regional (PSR) iniciou vencendo o jogo, isso é atípico, pois é considerado a equipe da virada, sempre começa perdendo. Fabinho deu dois dribles desconcertantes nos jogadores da Unimed, passou a bola por entre as pernas de outro e na saída do goleiro deu para Baiano abrir o placar. O empate veio dois minutos depois, Cabana ocupou o espaço vazio pela esquerda e não perdeu a chance de igualar o marcador. A Unimed passou a frente no placar com Berg. Ele aproveitou o rebote depois de boa jogada de Hudson e fez 2x1. O PSR empatou e poderia ter ampliado ainda mais, pois chegou a Unimed chegou a quinta falta, em vez de orientar Fabinho a conduzir a bola, pois a sexta falta seria tiro livre direto, ele saiu do jogo. O castigo veio, Hudson e Cabana trabalharam bem a bola e deixaram Berg a vontade para recolocar a Unimed a frente.


No segundo tempo, o PSR começou melhor, Fabinho empatou o jogo e ainda teve uma excelente oportunidade de colocar o time a frente na saída errada do goleiro da Unimed. Ele não se abateu e fez o quarto e quinto do time. A Unimed ainda encontrou um contra ataque e Luan empatou o jogo. No último minuto do jogo o goleiro Jamasson machucou a parte posterior da coxa e foi substituído. O resultado prevaleceu e levou a decisão para os pênaltis. Jasmasson foi no sacrifício para defender as penalidades e contou com os companheiros: Marquinho, Adriano e Wanderson que fizeram para o Pronto Socorro. Cabana para a Unimed e Jasmasson, goleiro defendeu a cobrança de Berg. O atleta da Unimed bateu forte, a meia altura no canto esquerdo de Jasmasson que pegou firme e não largou mais e garantiu o título para a equipe dele.


As equipes foram premiadas ao final e também Fabinho ganhou o troféu de artilheiro com 12 gols marcados, João do Hospital do Câncer, o goleiro menos vazado, sofreu 18 gols embora a equipe dele não tenha enfrentado a ACCCOM na disputa do terceiro lugar.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.