terça-feira, 8 de Novembro de 2011 11:49h Luciano Eurides

Torneio da área de saúde

Unimed e Pronto Socorro decidem o título

No último sábado, no poliesportivo do bairro Niterói, foram decididos os finalistas para o torneio da área de saúde da cidade de Divinópolis. A Unimed venceu a Associação de Combate ao Câncer do Centro Oeste de Minas (Acccom) por 5x2 e o Pronto Socorro Regional (PSR) virou mais um placar, desta vez pra cima do Hospital do Câncer, a vitória foi por 5x3.


A Unimed havia perdido o primeiro confronto para a Acccom por 7x5 e entrou em quadra mais preparada para enfrentar o líder da fase de classificação. A vitória nasceu junto a saída de bola, Luan foi logo fazendo 1x0, isso com 20 segundos de jogo. Isso deu muita segurança para o time. A Acccom era uma equipe muito diferente das outras partidas, não usava a bola parada com Xandão ou a velocidade de Maurílio. A dupla Clevinho e Iguinho não conseguia construir boas jogadas. Já a Unimed administrava o jogo.


No segundo tempo a Acccom tentou a pressão, não durou muito, Cabana com uma bela escapada fez 2x0 e queria mais, Berg recebeu a bola, driblou o goleiro e deixou o defensor sentado com um corte seco e marcou o terceiro.  A Acccom diminuiu com Xandão de cabeça e na tentativa de buscar rapidamente a bola o clima esquentou. Foram três cartões vermelhos: Xandão da Acccom, Mateus e Tiago da Unimed. Cabana foi para o gol e a Unimed se segurou com apenas três em quadra. Com a reposição de atletas a Acccom marcou, depois do chute de Clevinho, Iguinho desviou a bola que encontrou Maurílio para diminuir, mas o placar foi mesmo favorável ao time da Unimed que faz a final com o Pronto Socorro Regional.


A atração principal da segunda partida, o ala Fabinho do PSR, teve a missão de novamente levar a equipe a uma virada no placar. O Hospital do Câncer dificultou a vida do PSR. Com dez minutos de jogo o Hospital do Câncer fez 3x0. O PSR é completamente dependente do jogador Fabinho que de todas as maneiras defendia e atacava e sofria muitas faltas. Na cobrança do tiro livre direto, pois o Hospital do Câncer estourou o limite de cinco faltas.
No segundo tempo, a reação do PSR. Fabinho voltou a fazer a diferença e foi dele um dos gols mais bonitos da rodada, em uma linda arrancada igualdade no marcador e Baiano colocou o PSR a frente. Com a vantagem no marcador quem passou a administrar a partida foi o PSR, que ainda se deu o luxo de descansar Fabinho, o melhor jogador da competição.


A final será sábado, 10h, onde Unimed e PSR fazem o jogo decisivo. Antes, Acccom e Hospital do Câncer decidem a terceira e quarta colocação. A título de curiosidade na fase de classificação a Unimed venceu por 5x4 o PSR, foi a estreia de Fabinho.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.