quarta-feira, 18 de Dezembro de 2013 06:05h Luciano Eurides

Torneio do Choro já tem os finalistas

O Torneio do Choro terá como finalistas a equipe da casa e o Colorado. As equipes se classificaram depois de vencer o Cruzeirinho e a 4ª Igreja, respectivamente. O jogo final ainda será confirmado.
A primeira partida da final teve Choro e Cruzeirinho. O time do bairro Icaraí teve um primeiro tempo onde buscava tocar a bola e impor o ritmo de jogo. Criava oportunidades, mas não conseguiu concluir na área do adversário. No segundo tempo o time do Choro trocou Tampinha por Mateus e ganhou agilidade na marcação e saída rápida de bola. O time da casa cresceu e dominou a segunda etapa. Aos dez minutos de jogo Daninho recebeu a bola e tocou prensado com o zagueiro, fez 1x0 para a equipe da casa.
O resultado garante o time na final. Daninho autor do gol da classificação falou das dificuldades. “A equipe deles valorizou o placar e fizemos o resultado no primeiro jogo e entramos com a vantagem, esperamos o time deles vir para cima e matamos o jogo. Na raça, o time cansado, o horário não ajuda, sol quente e valeu a pena o importante é estar na final. Não adianta escolher adversário, o que vier é difícil de jogar”, garantiu.
Quem também está classificado é o Colorado que venceu a 4ª Igreja por 1x0, gol de Kelven. O time da Vila Belo Horizonte começou melhor, levava mais perigo ao gol do adversário, dominava a partida e não encontrava dificuldades em chegar a gol. Digdal perdia chances incríveis, Doidera também. Aos 20 minutos o gol saiu. Kelven chutou de longe, a bola desviou e enganou o goleiro da 4ª Igreja. Kelven marcou o gol da classificação e dedicou ao treinador Camilo Léllis, o Cuié. “Estamos garantidos com um pouco de sorte no desvio da zaga e estamos na final, colaborar com o time para dar o título para esse Cuié que gosto demais dele, esse ‘véio’”, declarou o jovem atleta do Colorado.
O treinador Cuié avaliou o time dele e também o adversário. “Pronto, estamos esperando o Choro que bateu o Cruzeirinho, nós temos uma torcida muito fanática e sempre vem para apoiar, esperamos nesse ano levar o troféu para a Toca do Jorge, sede do Colorado. Ainda tenho dois reforços para jogar a final e mesmo se eles não vierem, fizemos o goleiro deles trabalhar. Vamos para o tudo ou nada e este será o troféu número 283 a ser colocado no Bar do Jorge”, falou Camilo de Léllis.
A organização do Campeonato ainda não oficializou a data da partida final, ou das duas partidas para decidir o campeão. Há a intenção de um acordo para um jogo único no sábado.

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.