terça-feira, 5 de Fevereiro de 2013 04:13h Luciano Eurides

Vasco da Gama começa 2013 com derrota

Partida entre Vasco da Gama e Juventus fizeram um bom jogo no último sábado

O Vasco da Gama fez o primeiro jogo pela categoria juvenil e perdeu o jogo frente a equipe do Juventus da cidade de Nova Serrana. As equipes se preparam para o campeonato mineiro da Federação Mineira de Futebol (FMF). O jogo teve um caráter avaliativo para a equipe da cidade de Divinópolis e muita força e vontade da equipe de Nova Serrana.
O treinador Leandro Mesquita iniciou a partida com a equipe tida como titular. A principal mudança foi a forma de jogar com dois zagueiros: Diogo e Vinícius. Assim Gabriel Cromado ficou no banco de reservas. O time entrou em campo com Gabriel, Léo, Vinícius, Diogo e Junior. Daniel, Léo Ribeiro, João Pedro e Bruno. Mateus Souza e Mateus Ribeiro.
O time de Divinópolis foi logo ao ataque, com três minutos de jogo chegou a frente com qualidade e quantidade, a trave salvou a equipe novaserranense. Aos 13, Mateus Souza conseguiu se embolar mais uma vez no ataque e por reclamação recebeu o cartão amarelo, preocupante pelo lado disciplinar tão exigido nas competições da FMF. Aos 15, o time do Juventus já obrigava a defesa do Vasco da Gama a trabalhar. Aos 20, cruzamento na área do Juventus e João Pedro de cabeça obrigou o goleiro Luís Otávio a fazer excelente defesa. Aos 30, o Juventus já não permitia a saída de bola do time divinopolitano e aos 40, o Vasco abriu o marcador com uma cobrança de falta perfeitamente executada por Junior Marçal.
Se o amistoso é avaliativo, há de se cobrar da equipe alvinegra a utilização das laterais, atacantes no isolamento e a não valorização da posse de bola, a movimentação dos atletas sem a posse de bola e o entrosamento de Léo Ribeiro e Daniel são essenciais para virar o jogo. Leandro Mesquita anotou as observações. “Foi bom, ainda percebemos defeitos, como na hora de rodar a bola aqui atrás e na hora da força também, os atacantes usam pouco a força. Percebi muito defeito individual e se cada um corrigi-lo, vai melhor muito o conjunto. O nosso time joga muito pelo meio e o Marçal foi mais exigido que o Léo, o Maçal joga muito na paralela e foi pedido para ele usar mais a diagonal, jogamos muito pelo lado esquerdo e o lado direito ficou muito parado”, comentou e ainda analisou a valorização da posse de bola. “Nosso time está muito afoito. Nosso time estava preocupado em fazer resultado e nosso objetivo não era esse e sim fazer acontecer o que fizemos no treino. É assim mesmo, a medida de mais amistosos vamos melhorando”, considerou.
Para o segundo tempo o treinador divinopolitano mudou quase todos os jogadores, permaneceram em campo Vinícius que é zagueiro, Junior Marçal lateral esquerdo e o meia Bruno. Assim a formação foi Mateus, Breno, Gabriel Cromado, Vinícius e Junior Marçal, Batata, Igaratinga, Dudu e João Vitor. Léo Amaral e Bruno. Com três minutos de jogo o Juventus empatou o jogo, Bruno cruzou e Tiago desviou de cabeça no cato de Mateus. Aos seis, cruzamento da direita e Jonathan chutou forte para a defesa de Mateus e rapidamente ele ligou o contra ataque, Léo Amaral foi derrubado na área, pênalti marcado e cobrado por Junior Marçal, Luís Otávio fez ótima defesa.
O jogo parou muito para atendimentos e também substituições, Deré entrou no lugar de Bruno, Caio no lugar de Junior Marçal e Allan no lugar de Vinícius. Ainda, Juninho no lugar de Breno, Banana no lugar de Batata, João Paulo no lugar de João Vitor, Bolinha no lugar de Dudu e Dérick no lugar de Gabriel Cromado. A chuva caiu de forma torrencial, Tiago cobrou uma falta, de muito longe, a bola foi no cantinho e fez o gol da virada, 2x1. O campo aos poucos ficou alagado e terminou a partida.
Fábio Lima, treinador do Juventus enalteceu o trabalho da equipe novaserranense. “Estamos nos preparando para uma competição pesada como eles também. Um campo muito pesado e diferente do nosso, sentimos um pouco mais e mesmo assim conseguimos a vitória. Tenho três atletas indo, dois para o América de Natal e um para a Francana em São Paulo e o restante será meu grupo de competição””, falou. Tiago, autor dos gols alvirrubros destacou os treinamentos em especial nos chutes de fora da área. “Estamos montando o time e o amistoso é importante, uma vitória de virada e com a ajuda de Deus conseguimos a vitória.Eu sempre treino faltas e nem sempre dá certo e procuro ainda me preparar mais, nosso time ainda precisa de um pouco de entrosamento e vamos para a competição, no tudo ou nada”, ressaltou.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.