terça-feira, 19 de Março de 2013 07:40h Luciano Eurides

Vasco da Gama vence duas e perde uma pela Taça Pará de Minas

O Vasco da Gama de Divinópolis foi até a cidade de Conceição do Pará, onde enfrentou a equipe local, em três categorias, pré-mirim, mirim e infantil.

O Vasco da Gama de Divinópolis foi até a cidade de Conceição do Pará, onde enfrentou a equipe local, em três categorias, pré-mirim, mirim e infantil. Na pré-mirim goleada divinopolitana 5x1, no mirim boa vitória do Vasco da Gama por 3x0 e no infantil o Flamengo de Conceição do Pará venceu 4x3. Todos os jogos válidos pela Taça Pará de Minas de Futebol Mirim.
No pré-mirim, o Vasco da Gama sobrou em campo. Gabriel abriu o placar e ele mesmo sofreu pênalti, Bernardo cobrou e fez 2x0. No segundo tempo Farias a um minuto de jogo, com um chute forte da direita fez 3x0. Aos 17 minutos da etapa complementar Topete fez 4x0 e aos 20, Tiago marcou 5x0. O Flamengo, time da casa fez o gol de honra depois de um pênalti sofrido por Dudu, Gatão cobrou e diminuiu o marcador, 5x1. O time recebe o Flamengo, domingo (24), 9h pela Taça Pará de Minas. Antes , sábado (23) a equipe entra em campo contra o Flamengo de Itaúna pela Copa Super Craque.
Na categoria mirim, o time do Vasco venceu por 3x0, o time abriu o placar com um gol relâmpago marcado por Nicolas, aos 30 segundos de jogo. O time do Flamengo de Conceição do Pará tentou o empate, esbarrou em uma manhã inspirada do goleiro Rafael que fez duas ótimas defesas. O time cruzmaltino tentava fazer as jogadas pelos dois lados do campo, mas o setor esquerdo teve dificuldades de marcação do velz atacante Vascaíno. No segundo tempo o gol saiu aos 11 minutos de jogo. Cobrança de escanteio e João Otávio livre, chutou de primeira para fazer 2x0. Aos 20, Luan depois de uma boa troca de passes decretou 3x0.
Para o treinador Felipe Azevedo a equipe volta a ter tranquilidade e aos poucos trabalha questões importantes para o crescimento enquanto equipe. “Não digo um treino de luxo porque houve a ansiedade da estréia, complicamos um pouco nossa vida no início do jogo ao acharmos que seria fácil em vista a um gol muito rápido, mas o time no segundo tempo fez nosso pedido, temos uma boa marcação e criamos pouco, hoje já criamos mais e começa a ser trabalhado e bom sinal já com frutos. Eu venho mudando a metodologia para esse grupo, como a teoria da periodização tática e prepará-los ainda mais, bola parada, transição ofensiva e defensiva será trabalhado, esse ano vai ser de muita evolução para quem quiser buscar vôos maiores”, falou.
O atacante Luan, além do gol fez uma linda jogada que a bola tocou caprichosamente no travessão. Ele comenta a vitória fora de casa. “Fizemos um gol muito rápido e acabamos sofrendo pressão, o que é difícil por ser fora de casa e no segundo tempo  voltamos bem, fizemos os gols e jogamos com vantagem. Agora é preparar para o campeonato mineiro e continuar no mesmo ritmo e concentrar na competição, no lance do travessão fui cruzar, a bola pegou um efeito e quase foi gol”, admitiu. O time do Vasco encara no sábado (23), o América, na cidade de Sete Lagoas, pela Imef.
Na categoria infantil os problemas são mais sérios. O time da casa foi para cima do Vasco, abriu o placar e obrigou o time de Divinópolis a sair para o jogo. O jogador Vítor, com um porte físico avantajado acabou se chocando com o goleiro do Flamengo de Conceição do Pará e o arqueiro rubro negro levou um corte na boca. Logo no reinício do jogo, mais um gol do time da casa e o sinal de alerta foi ligado.
O time do Flamengo conseguiu um goleiro improvisado, ele assumiu a responsabilidade e foi em uma falha dele que o Vasco abriu o placar. Aos 16 do primeiro tempo, cobrança de falta, o goleiro soltou a bola para o meio da área onde estava o centro avante Luís Júnior para fazer o gol dele. Detalhe que este foi o terceiro gol dele com a camisa do Vasco, são três gols em três jogos, uma média excelente de um gol por partida. No segundo tempo os problemas do Flamengo só aumentaram, com um jogador expulso, ainda assim o time ampliou o placar para 3x1. A reação Vascaína enfim pode ser sentida. Luís Júnior fez boa jogada, obrigou o goleiro a fazer boa defesa e no rebote João Vitor diminuiu. O próprio João Vitor acertou um belo chute da intermediária e fez 3x3. A reação durou pouco, a defesa falhou novamente e o Flamengo de Conceição do Pará fez 4x3, ficando com os três pontos.
O jogador Hiago, capitão da equipe admite que o time não jogou todo o potencial dos jogadores. “ Jogamos mal, sem vontade e erramos muito. Temos de entrar com mais vontade de ganhar. Do jeito que está não pode ficar, está ruim mesmo”, considerou.  O treinador Delano admite que poderá buscar reforços. “Hoje é sem explicação, comportamos mal, falhamos em todos os setores e especialmente na defesa. Hoje faltou coletividade, a partir de agora mudar a equipe para a imef e buscar reforços, pois precisamos muito”, garantiu. A categoria 98 entra em campo novamente contra o América, em Sete Lagoas, no sábado (23), pela Imef.

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.