segunda-feira, 3 de Junho de 2013 07:18h Luciano Eurides

Vasco tenta recuperação no Campeonato da FMF

O momento é delicado para a equipe do Vasco de Divinópolis, que joga hoje, dia 1º, em Nova Lima, nas categorias infantil e juvenil pelo campeonato mineiro enfrentando o Coimbra e Vila Nova.

O momento é delicado para a equipe do Vasco de Divinópolis, que joga hoje, dia 1º, em Nova Lima, nas categorias infantil e juvenil pelo campeonato mineiro enfrentando o Coimbra e Vila Nova. Ambos os jogos serão no Estádio Castor Cifuentes, às 13h30, o infantil contra o Coimbra e 15h o juvenil contra o Vila Nova.
A equipe infantil vem de sonora goleada frente o América e ainda uma derrota na final da Super Copa, ocorrida no feriado de Corpus Christi. Além das discussões extra campo o treinador Delano terá de se manter na Imef, para que o time enfrente o Pequena Atleta e equacione a equipe para a partida contra o Coimbra. O time está escalado com Anderson, Gabriel, Vinícius, Iago, Rafael, Henrique, Ítalo, Natan, Tales, João e Vitor Gontijo. Na última partida o treinador mudou a equipe anunciada, colocando Luís Júnior no comando de ataque, dessa vez o atacante pode não ter a mesma sorte, pois perdeu quatro chances claras de gols frente o Itatiauçu.


A equipe juvenil mais uma vez terá nova forma de jogar. O treinador fez mudanças de ordem técnica e tática. Com João Pedro suspenso pelo terceiro cartão amarelo ele optou por Leonardo Costa (ala direita) compondo o meio campo, assim João Paulo volta a lateral. No ataque sai Leozinho e entra Mateus Souza. O time escalado por Leandro Mesquita está com Gabriel, João Paulo, Vinicius, Diogo, Junior, Daniel, Léo Costa, Léo Ribeiro, Bruno, Mateus Planalto e Mateus Quintino.


Na categoria infantil o Vasco é o sexto colocado com um ponto ganho em três jogos, soma um empate e duas derrotas, nenhum gol marcado e nove sofridos. O Coimbra é o quinto colocado, perdeu de 21x0 frente o América Mineiro, tem uma vitória e duas derrotas, quatro gols marcados e 26 sofridos.

O América é o líder com o melhor ataque 32 gols marcados e a melhor defesa, um gol sofrido. O Vasco tem o pior ataque, nenhum gol marcado e o Coimbra a pior defesa, 26 gols sofridos.


No juvenil, o Vasco acumula o pior ataque, apenas um gol marcado e a pior defesa, oito gols sofridos.

O melhor ataque é do AMDH com dez gols marcados e a melhor defesa dividida entre AMDH, América e Santa Cruz, dois gols sofridos por cada time. O Vasco da Gama é o quinto colocado com três pontos, em três jogos, uma vitória sobre o Santa Cruz e duas derrotas, para AMDH e América. O Villa Nova é o sexto colocado, um ponto ganho em três jogos. Tem dois gols marcados e cinco gols sofridos.

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.