segunda-feira, 1 de Outubro de 2012 14:58h Gazeta do Oeste

Victor alfineta arbitragem e fala de irregularidade no lance do gol da Lusa

 O Atlético não conseguiu bater a Portuguesa no estádio do Canindé e deixou o caminho livre para o Fluminense ampliar vantagem na liderança do Campeonato Brasileiro.

Victor, um dos personagens principais da partida, foi bastante questionado no lance que originou o gol da Portuguesa. No entanto, depois se redimiu, fechando à porta de sua meta para o time mandante, com defesas importantes e difíceis.

Na opinião do goleiro alvinegro, no lance em que dividiu a bola no alto com o atacante da Lusa, houve falta não marcada pelo árbitro Elmo Alves Rezende Cunha. Na sequência da jogada surgiu o gol do meia Léo Silva.

“Até onde eu saiba, um jogador deslocar o goleiro no alto quando ele vai fazer a defesa é falta, a não ser que tenha mudado a regra e eu não esteja sabendo”, alfinetou.

E as críticas de Victor em relação ao trabalho da arbitragem não pararam por aí. O goleiro ainda viu um pênalti não marcado em Jô.

“Mais uma vez fomos prejudicados pela arbitragem, o lance do Jô, no meu modo de ver, pareceu pênalti”, opinou.

Sobre sua atuação, o goleiro ficou satisfeito, apesar da falta dos três pontos. Victor também avaliou o desempenho do Galo, quando o time ficou com um jogador a menos. O zagueiro Leonardo Silva foi expulso.

“Fico feliz por ter atuado bem, mas nosso objetivo era a vitória. A partir do momento que ficamos com um jogador a menos (com a expulsão de Leonardo Silva) o jogo ficou mais difícil. Agora temos que nos unir e procurar jogar melhor para conseguir a vitória no próximo jogo”, afirmou.
 

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.