quinta-feira, 24 de Fevereiro de 2011 00:00h

Wallyson mostra a que veio

Atravessando fase espetacular, o atacante Wallyson ostenta dupla liderança na Copa Santander Libertadores. Isto porque, após contribuir e muito para que o Cruzeiro assegurasse a primeira posição de seu grupo, ao derrotar o Guarani-PAR (4 x 0) nessa terça-feira, o jogador agora é um dos artilheiros da competição continental com quatro gols marcados em dois jogos.

Wallyson balançou as redes por duas vezes em cada jogo válido pela Libertadores. O atleta abriu e fechou a goleada sobre o Estudiantes-ARG (5 x 0) no duelo de estreia da Raposa no torneio.

Na segunda partida, disputada na noite dessa terça-feira, contra o Guarani-PAR, marcou mais dois tentos e agora divide a artilharia da competição com Roberto Nanni, do Cerro Porteño. O detalhe é que o jogador da equipe paraguaia disputou a primeira fase da Libertadores e com isso, participou de mais confrontos.

O jovem talismã da equipe estrelada comenta que tem conseguido marcar tantos gols em virtude da qualidade do grupo celeste e a velocidade de seus atletas. “Eu procuro abrir espaços, não deixar os marcadores ficarem perto de mim, assim fica fácil, porque sou rápido.

O Cruzeiro também tem muitos jogadores velozes, como o Paulista e o Thiago Ribeiro, além do Diego Renan, Pablo, assim fica fácil chegar na cara do gol toda hora, então vamos manter essa arma até o fim do campeonato”, afirma.

Humilde, Wallyson volta a enaltecer a importância do grupo celeste, que sempre ofereceu apoio a ele. O jogador atribui a grande fase ao ambiente do Cruzeiro, que o acolheu muito bem e o ajudou a superar momentos turbulentos, como a morte de seu pai, ocorrida no fim de 2010.

“Agradeço a Deus primeiramente e aos meus companheiros que me passam muita confiança, pois sou jovem, estou começando como titular agora no Cruzeiro e é muito importante, porque vejo que todos estão do meu lado e querem me ajudar. Assim fica mais fácil entrar em campo e fazer meu trabalho”, disse.

Para aqueles que pensam que a boa fase de Wallyson iniciou na partida contra o Estudiantes-ARG, o atleta garante que a virada em sua carreira vem desde 2010. O atacante se recorda do importante gol marcado no último jogo do Campeonato Brasileiro, contra o Palmeiras (2 x 1), que garantiu ao Cruzeiro a classificação para a Libertadores, além do vice-campeonato.

O tento anotado para Wallyson foi determinante para que o jogador começasse a viver um novo tempo. “O gol mais importante, que me deu confiança foi contra o Palmeiras ano passado, com aquele gol eu vi que tinha condições de ser titular do Cruzeiro.

Nas férias eu descansei ao máximo com minha família e amigos e quando voltei, coloquei na minha cabeça que não tinha outro jeito a não ser colocar a cabeça no lugar, treinar forte e quando surgisse a oportunidade, iria aproveitar da melhor maneira possível”, revelou.

Desde o importante jogo, no qual Wallyson teve fundamental participação, o atleta não deixou de ser utilizado pelo técnico Cuca. Na temporada 2011, o Cruzeiro já disputou sete partidas e em todas o velocista foi lançado pelo comandante celeste, em duas delas como titular.

E não passou em branco em nenhum jogo, se não com gols, com belas assistências e apresentações de destaque. O atleta dá a receita para que a fase prolongue por muito tempo. “Trabalhar como venho fazendo, com os pés no chão e respeitando meus companheiros.

Além de fazer o que o Cuca pede, as jogadas, marcar os volantes e quando a bola chegar no pé, fazer o que sei, jogar futebol”, encerrou.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.