quinta-feira, 30 de Agosto de 2012 09:41h Gazeta do Oeste

Wellington Paulista explica comemoração discreta em gol contra o Atlético-GO

Depois de cumprir suspensão automática no clássico com o Atlético, Wellington Paulista voltou a defender o Cruzeiro nesta quarta-feira. Na vitória sobre o Atlético-GO, por 2 a 0, em Goiânia, o atacante deixou o banco de reservas para, em cobrança de pênalti, marcar o segundo gol do time celeste.

 

 

Após balançar as redes do goleiro Márcio, Wellington Paulista teve comemoração discreta. “Vibrei. Só voltei para o meio de campo andando. Foi uma comemoração diferente”, explicou.

 

 

O gol marcado pelo atacante aconteceu dois minutos depois de ele substituir Borges, autor do primeiro tento cruzeirense. “No primeiro lance, pude ir bem. O professor pede que a gente segure a bola, para o time sair de trás. Consegui escorar bem para o Tinga, que sofreu o pênalti. Fui mais uma vez feliz em um pênalti”, comentou.

 

 

Maior artilheiro do Cruzeiro em 2012, Wellington Paulista contabiliza agora oito gols no Brasileirão. Ele está a dois do principal goleador da competição Fred, do Fluminense. Luís Fabiano, do São Paulo, e Vágner Love, do Flamengo, têm nove gols. 

 

 

 

 

 

 

 

SUPERESPORTES

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.