segunda-feira, 25 de Janeiro de 2016 12:43h Site Oficial CBF

Wendell Lira recebe placa por Prêmio Púskas

A Confederação Brasileira de Futebol recebeu uma visita ilustre nesta segunda-feira (25), em sua sede na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro: Wendell Lira, o vencedor do Prêmio Púskas 2015

O jogador, contratado pelo Vila Nova para a disputa da temporada de 2016, recebeu da entidade uma placa em homenagem ao seu inesquecível gol, marcado pelo Goianésia, que ganhou o mundo em votação realizada pela internet, no site da Fifa.

 

 

– Não tem nem o que falar. Eu já estava muito feliz com esse prêmio, mas, de repente, receber uma homenagem da maior entidade do futebol brasileiro... Isso aqui não tem preço nem valor que pague pelo que senti. Quando comecei a jogar bola, não queria saber se o salário era muito ou pouco, só queria ser jogador de futebol. Mas quando tive minha filha, meu maior sonho era poder deixar algo que, daqui a 20, 30 anos, ela pudesse dizer: "Meu pai foi alguém"– revelou.

 

 

Na sede da CBF, Wendell Lira teve mais uma demonstração do quanto é admirado após a premiação. Por onde andava, pausas para fotografias, conversas e cumprimentos, um pouco do que tem experimentado diariamente em Goiânia, terra do Vila Nova. Wendell revelou que tem tido dificuldade até para sair com a família pela cidade.

 

 

Lira aproveitou a visita à CBF para conhecer o Museu da Seleção Brasileira, que conta com a exibição das taças e prêmios conquistados na história da Amarelinha. Entre elas, uma que teve os dedos de Wendell: o título da Copa Sendai, em 2006. A competição, realizada no Japão, foi a única que ele disputou pelas seleções de base. O jogador integrou a equipe sub-19 e marcou um gol na campanha do título do Brasil. Wendell ficou surpreso ao encontrar, dentro do museu, o troféu de sua conquista com a Amarelinha:

 

– Eu nunca esperava que tivesse, sem brincadeira, algo meu no museu da seleção – entregou.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.