quinta-feira, 16 de Agosto de 2012 10:49h Gazeta do Oeste

Wenger diz já ter substitutos para Van Persie e garante que não teve escolha

O técnico Arsène Wenger, que comandou o holandês Van Persie no Arsenal, lamentou a saída de seu capitão para o rival Manchester United, mas garantiu que não havia como segurar o atacante, artilheiro da última edição do Campeonato Inglês com 30 gols. Isso porque o jogador tinha apenas mais um ano de contrato com o clube de Londres e já havia afirmado que não iria renovar.

 


- É triste perder um jogador da sua qualidade. Ele tinha apenas mais ano restante de contrato, então não havia outra chance. Ele agora é do Manchester United, infelizmente para nós. A transferência foi finalizada na tarde desta quarta - disse o treinador, em entrevista a uma rede de televisão francesa.

 


Apesar de se mostrar chateado com a saída do jogador, Wenger disse que o Arsenal buscou reforços para o ataque antes mesmo de perder o holandês.

 


- Giroud e Podolski foram originalmente contratados para compensar a saída de Van Persie.

 


O holandês de 29 anos custará um valor próximo a £ 23 milhões (cerca de R$ 73 milhões) ao United e chega nesta quinta-feira a Manchester para realizar os exames médicos.

 


Ferguson comemora, e Van Persie pode estrear contra o Everton

 


O técnico Alex Ferguson, do Manchester United, por outro lado, celebrou a contratação e disse que o holandês pode fazer uma ótima dupla com Rooney.

 


- É ótimo ter um jogador com as qualidades do Van Persie chegando para o nosso time. Estou muito satisfeito. Eles (Van Persie e Rooney) são dois atacantes fantásticos. É ótimo tê-los conosco – disse Alex Ferguson à emissora “BBC”.

 


O treinador também revelou que, por ele, Van Persie pode estrear já na próxima segunda-feira, contra o Everton, pela primeira rodada do Campeonato Inglês.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.