segunda-feira, 12 de Novembro de 2012 02:43h Gazeta do Oeste

Willian Magrão comemora primeiro gol pelo Cruzeiro e defende técnico Celso Roth

Willian Magrão deixou o banco de reservas na vitória sobre o Bahia, neste domingo, para marcar o terceiro gol do triunfo por 3 a 1. O volante comemorou a primeira vez em que balançou as redes com a camisa celeste e defendeu o técnico Celso Roth.

“Muitos estão vaiando o Celso, mas a maior parcela de culpa é de nós jogadores, porque somos nós que entramos em campo. Queríamos estar na parte de cima, mas, infelizmente, não estamos. Creio que houve a mão (na virada) do Celso sim”, observou o volante.

Magrão destacou a reação da equipe depois de três derrotas consecutivas. “Nós estamos todos os dias lutando e falando que nosso grupo é bom e vai sair dessa. Conseguimos vencer. Estava um peso grande por não conseguirmos vencer”, disse.

Autor do terceiro gol na vitória sobre o Bahia, Magrão deu belo toque, encobrindo o goleiro Marcelo Lomba. “Fui feliz, mas não só eu, como todos os meus companheiros. Estávamos precisando de uma vitória como essa”, comentou.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.