quinta-feira, 8 de Agosto de 2019 19:50h Ilidio Luciano

Estado cede terreno para a prefeitura de Divinópolis para a construção de Cmei no Catalão.

Área de aproximadamente seis mil metros quadrados favorecerá cerca de 50 mil pessoas.

Ilídio Luciano

Depois de se reunir com representantes do governo estadual em Belo Horizonte, o secretário da Câmara Municipal de Divinópolis, Renato Ferreira conseguiu a cessão de um terreno, pertencente ao estado, para a prefeitura de Divinópolis, de aproximadamente seis mil metros quadrados, no bairro Catalão.

Segundo o vereador, no local será construída um Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei), onde serão recebidas para iniciação educacional, crianças com idade entre dois e seis anos.

“É um requerimento antigo dos moradores do bairro, feito pela associação de moradores do Catalão. Nós tivemos uma reunião com o secretário estadual de planejamento Otto Levy Reis, que fez a cessão deste terreno ao município pelo prazo de 20 anos, prorrogáveis por mais 20. Lá nós vamos construir um Cmei para atender a comunidade e vai atender crianças entre dois e seis anos de idade”, garante.

Para aproveitar ao máximo o espaço do terreno cedido, Renato afirma que, também será construída uma área de lazer que atenderá a população do Catalão e demais bairros adjacentes.

“Também será construída uma área de esportes para a população, com quadras de esporte, pista de caminhada, academia ao ar livre, pois a área, tem espaço de sobra, com seis mil metros quadrados,e é avaliada em aproximadamente quatro milhões de reais”, afirma.

Embora tenha sido apenas o primeiro passo para a implantação e construção do Cmei, o vereador afirma que já há o reconhecimento do Ministério da Educação sobre a implantação do centro educacional no local.

“Desde quando começamos a pleitear esse terreno, já fizemos a inclusão desta área no Ministério da Educação, a fim de recebermos recursos para a construção do Cmei, que necessita de pelo menos 2.800 metros quadrados. Faremos tudo conforme o padrão nacional, com acessibilidade e toda a infra estrutura para atendermos bem a população”, esclarece.

Além da população do Catalão, o projeto também atenderá crianças moradoras de outros bairros nas imediações, que tem população estimada em aproximadamente 50 mil moradores.

“Serão atendidas as comunidades do Catalão, São Miguel, São José, Belvedere, Bela vista, Realengo, Itacolomi, hoje a prefeitura paga aluguel do prédio onde está o Cmei Isaura Ferreira, no valor de quatro mil reais, dinheiro este que será economizado pelo município”, declara.

Renato afirmou que irá conversar com os 77 deputados estaduais que conquistaram votos em Divinópolis na última eleição, para cobrar deles os recursos para as escolas estaduais no município.

“Foram 77 deputados estaduais que foram eleitos aqui na nossa região, nós vamos cobrar agora desses deputados, a fatura do bolo. Eles vieram aqui e conquistaram votos, agora nós queremos a contrapartida com recursos para a educação, saúde, infra-estrutura, lazer e cultura. Divinópolis representa uma região com 54 municípios. Hoje nós precisamos de no mínimo mais cem leitos do SUS para atender a demanda da nossa região, acredito ser a hora de  cobrar pelos votos obtidos na nossa cidade”, termina.

© 2009-2019. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.