terça-feira, 24 de Junho de 2014 12:00h

Aplicativo para smartphones e tablets apresenta os principais pontos turísticos de Minas

O projeto foi criado por servidores do Governo de Minas e concluído por meio do Ciclo de Inovação na Gestão Pública promovido pela Seplag

Os turistas que visitam Minas Gerais já podem baixar o aplicativo Minas Tour 360, disponível para smartphones e tablets, que apresenta os principais pontos turísticos do Estado. As informações sobre os atrativos são disponibilizadas em forma de texto, áudio, imagens em duas ou três dimensões ou indicações geográficas. Tudo isso é possível utilizando a tecnologia de realidade aumentada, que transmite informações virtuais na perspectiva do mundo real por meio da câmera dos aparelhos.

A ideia foi apresentada por servidores da Secretaria de Turismo e Esportes (Setes) no Ciclo da Inovação na Gestão Pública de 2013 e trabalhado pela Carteira de Projeto Estratégico de Inovação na Gestão Pública. A iniciativa é coordenada pelo Núcleo Central de Inovação e Modernização Institucional (NCIM), da Subsecretaria de Gestão da Estratégica Governamental (Suges), da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag).

“A ideia inicial para o desenvolvimento do aplicativo surgiu no Ciclo da Inovação na Gestão Pública, que tem como principal objetivo estimular os servidores públicos a apresentarem projetos inovadores que contribuem para a melhoria na qualidade da prestação de serviços públicos e que, principalmente, exerçam impacto positivo na qualidade de vida da população”, explicou a subsecretária de Gestão da Estratégia Governamental, Adriane Ricieri.

O aplicativo é gratuito e já está disponível para todos os interessados em conhecer os atrativos de Minas Gerais. Para baixá-lo nos dispositivos, é necessário acessar as lojas virtuais App Store ou Google Play. Em função da Copa do Mundo 2014, foram selecionados inicialmente nove dos principais atrativos da Região Metropolitana de Belo Horizonte: Mineirão, Igreja da Pampulha, Palácio da Liberdade, Expominas, Rota Lund, Museu Abílio Barreto, Mercado Central, Inhotim e Parque das Mangabeiras.

Também estão sendo instalados 40 totens e cartazes nos atrativos selecionados e em outros pontos estratégicos da cidade, que permitem aos usuários passear virtualmente pelos pontos turísticos de forma sincronizada com o aplicativo instalado no celular.

“Por ser totalmente interativo, o aplicativo possibilita ao usuário explorar virtualmente os atrativos em diferentes ângulos e perspectivas, como vista aérea, de uma forma inédita e pioneira em Minas Gerais. O turista tem a possibilidade de conhecer o monumento sem estar presente, tendo acesso a pequenos detalhes que o incentivam a visitar e conhecer de perto”, explicou o coordenador de Tecnologia da Informação da Setes, Ulisses Magalhães, que participou da elaboração da ideia e da implementação do projeto.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.