quarta-feira, 16 de Outubro de 2013 09:55h

Avaliações marcam fim do mês de outubro para mais de um milhão de alunos de Minas

Pela primeira vez, provas do Sistema Mineiro de Avaliação serão aplicadas simultaneamente no período que vai do dia 28 deste mês até 1º de novembro

O período de 28 de outubro a 1º de novembro será marcado por avaliações nas escolas públicas estaduais e municipais de toda Minas Gerais com a Semana da Avaliação. Um total de 1.096.709 alunos dos ensinos fundamental e médio será avaliado nas disciplinas de Língua Portuguesa e Matemática. Enquanto o Programa de Avaliação da Alfabetização (Proalfa) avaliará habilidades de leitura e escrita de 377.211 alunos, o Programa de Avaliação da Rede Pública de Educação Básica (Proeb) será aplicado a 719.498 alunos do 5º e 9º anos do ensino fundamental e 3º ano do ensino médio. Os dois programas integram o Sistema Mineiro de Avaliação da Educação Pública (Simave) e auxiliam o Estado na elaboração de políticas educacionais.

“A avaliação externa visa validar a política pública educacional e o aluno pode contribuir para isso, com a sua presença e a dedicação em fazer o teste. Os resultados dos testes irão apontar para a rede de ensino aquilo que está indo bem, o que precisa ser reforçado, trabalhado e, até mesmo, alterado. Será essa participação dos estudantes que fará com que o nosso trabalho seja mais consistente”, explica a subsecretária de Informações e Tecnologias, Sônia Andere Cruz.

Para estimular a presença de todos os alunos na Semana da Avaliação, a Secretaria de Estado de Educação (SEE) tem adotado algumas medidas junto às 47 Superintendências Regionais de Ensino. “Dentro dessa semana, cada Superintendência escolhe os dias para a aplicação dos testes. As escolas devem se preparar para essa semana trabalhando o clima escolar para as avaliações e a conscientização dos alunos e suas famílias sobre a importância dos testes. Também temos realizado a capacitações dos educadores para que tudo transcorra em um ambiente favorável.”, lembra a superintendente de Avaliação Educacional, Maria Inez Barroso Simões.

Outras orientações da SEE, sobre a Semana de Avaliação nas escolas públicas mineiras podem ser encontradas na Resolução 2.361 de julho de 2013.

Educação mineira

No Proalfa, 248.017 alunos do 3º ano do ensino fundamental, também conhecido como o último ano do ciclo da alfabetização, serão avaliados de forma censitária. Nesta prova será possível identificar os níveis de aprendizagem em relação à leitura, escrita, interpretação e síntese dos alunos. A avaliação também será aplicada de forma amostral a 129.194 alunos dos 2º e 4º anos do ensino fundamental das redes estadual e municipais de ensino. As provas serão aplicadas no horário regular das aulas.

A última edição do Proalfa, realizada em 2012, mostrou que 87,3% dos estudantes do 3º ano do ensino fundamental estão no nível recomendável, ou seja, sabem ler e interpretar textos até os oito anos.

No Proeb, os alunos também farão as provas no horário regular das aulas, sendo um dia destinado à avaliação de Língua Portuguesa e outro à avaliação de Matemática.

Na edição de 2012, 60% dos alunos do 5º ano do ensino fundamental, por exemplo, alcançaram o padrão recomendável em Matemática, crescimento de 2,9 pontos percentuais em relação a 2011. Em Língua Portuguesa, o percentual de estudantes no padrão recomendável foi de 45,6%, um aumento de 3,5 pontos percentuais em relação ao ano anterior.

No 9º ano do Ensino Fundamental e no 3º ano do Ensino Médio a proficiência média também cresceu em ambas as disciplinas. Em Matemática, o avanço foi de 3,3 pontos no 9º ano do Ensino Fundamental e 0,5 pontos no 3º ano do Ensino Médio. Já em Língua Portuguesa, o avanço foi maior no Ensino Médio. A proficiência cresceu 2,5 pontos, enquanto no 9º ano o crescimento foi de 0,6.

Avaliação do Sistema Público

Embora as avaliações do Simave sejam uma iniciativa do Governo de Minas, com recursos do tesouro estadual, os testes também são aplicados nas redes municipais de ensino mineiras e chegam a todos os 853 municípios. Dos mais de 1 milhão de alunos avaliados no Proalfa e no Proeb, 487 mil são estudantes de escolas municipais.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.