terça-feira, 12 de Novembro de 2013 10:04h

Bancos públicos apostam no turismo

Financiamento para empresas do setor, que inclui empresas aéreas, restaurantes e agências de turismo, atingiu R$ 9,2 bilhões de janeiro a setembro deste ano

Os financiamentos concedidos às empresas do setor de turismo tiveram aumento de 17%, de janeiro a setembro de 2013 em relação ao mesmo período do ano passado. Os investimentos subiram de R$ 7,8 bilhões para R$ 9,2 bilhões no período. Em 2012, os empréstimos dos bancos somaram R$ 11,2 bilhões.

Os empréstimos foram concedidos a empresas aéreas, hotéis, parques, transportadores, bares, restaurantes, locadoras de automóveis e agências de turismo pelo Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Banco do Nordeste e Banco da Amazônia.

“Entre as razões que explicam o crescimento estão o aumento da interlocução entre os setores público e privado do turismo, o reconhecimento do potencial da área pelos bancos e a organização dos empresários para a captação de recursos”, disse o secretário nacional de Programas de Desenvolvimento de Turismo, Fábio Mota.

Desde 2003, o MTur articula com os bancos públicos linhas de créditos específicas para o setor, entre elas, o Programa BNDES ProCopa Turismo, destinada à reforma e construção de hotéis; o Programa de Apoio ao Turismo Regional (Proatur) e o Fundo Geral do Turismo (Fungetur).

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.