quarta-feira, 8 de Fevereiro de 2012 09:28h Atualizado em 8 de Fevereiro de 2012 às 10:30h.

Campanha da Cemig pela segurança no Carnaval atenta sobre cuidados com rede elétrica

A Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) está realizando uma campanha pela segurança no Carnaval nas cidades mineiras. Das 85 cidades atendidas pela companhia, 38, cerca de 45%, terão o chamado “carnaval de rua” e são o público-alvo da campanha. Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e prefeituras municipais são parceiros da Cemig nas campanhas.
Divino Barros, administrador regional da Cemig do centro-oeste, conta que estão sendo realizadas manutenções preventivas. As ações, de acordo com ele, dizem respeito a troca de cabos nus por isolados, corta de árvores sobre redes elétrica, orientações com condutores de veículos de trio elétrico para passar longe de fiações, entre outras.
“A divulgação da campanha está sendo realizada, inclusive, via carro de som, em cidades pequenas”, explica Divino sobre a importância das orientações em todas as cidades. De acordo com ele, ns demais municípios a divulgação acontece principalmente pelo rádio e televisão.
Ele explica que a campanha tem como objetivo orientar foliões a ter o máximo de cuidados possíveis, para evitar acidentes com eletricidade. Divino ainda diz que campanhas são realizadas durante o ano todo pela Cemig, principalmente em escolas de ensino fundamental e construções civis, por técnicos da Cemig, com material didático como cartilhas e panfletos. As campanhas são reforçadas em outras festividades como pré-carnavais e rodeios.
Divino alerta a população sobre os dados. No último ano foram registrados cerca de 77 acidentes causados por eletricidade no domínio atendido pela Cemig em Minas Gerais, sendo 23 casos fatais.
Para um carnaval mais seguro, a Cemig recomenda que condutores trios elétricos e carros alegóricos evitem trafegar próximos a rede elétrica e planejem o percurso anteriormente observando a existência e altura das redes. Aos participantes da folia é recomendado que não toquem ou empurrem as redes elétricas com qualquer objeto e acionar a Cemig sobre acidentes, imediatamente, aguardando sempre pela chegada dos técnicos.
A companhia recomenda que aparelhos elétricos como som, refrigeradores e churrasqueiras não sejam ligados próximos a duchas ou piscinas, pois a água pode conduzir energia elétrica. Além disso, ela orienta que ligações clandestinas, conhecidas como gatos, não sejam feitas. No lugar, devem ser solicitadas ligações provisórias. Todas as ligações elétricas devem ser acompanhadas por especialistas.
Mais uma orientação feita pela Cemig é em relação aos enfeites e alegorias do Carnaval. A companhia recomenda que não sejam soltos fogos de artifício, nem atirados serpentinas, jatos de água, espuma e demais objetos sobre a rede elétrica e fiações, pois podem provocar choques elétricos.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.