segunda-feira, 14 de Setembro de 2015 10:46h

Cemig completa 8 milhões de ligações na sua área de concessão

Atendimento ao lavrador Robson de Medeiros, em Diamantina (MG), marcou o feito inédito no setor elétrico

Nos seus mais de 63 anos de história, a Companhia Energética de Minas Gerais - Cemig iluminou e proporcionou desenvolvimento a uma população de cerca de 20 milhões de pessoas na sua área de concessão e, nesta sexta-feira (11/9), a Empresa alcançou mais um recorde: na presença do presidente Mauro Borges Lemos, foi ligado o padrão do consumidor Robson Aparecida de Medeiros, em Conselheiro Mata (distrito de Diamantina), completando "8 Milhões de Ligações Cemig". Além de inédito entre as concessionárias de energia, esse número consolida a Cemig na vanguarda do sistema elétrico brasileiro.

No evento, o lavrador Robson Aparecida de Medeiros também foi contemplado pelo programa de eficiência energética da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), implantado pela Cemig na sua área de atuação, com a doação de uma geladeira de baixo consumo de energia e de lâmpadas de LED, mais econômicas. O programa é destinado à população de baixa renda. “Três dias após o pedido (de ligação de energia), o técnico da Companhia veio a minha casa e fez a instalação do equipamento. Ele tirou uma foto e eu não entendi o motivo. Uma semana mais tarde, um gerente da Companhia ligou para mim e falou sobre dessa marca importante, afirmou Robson.

Além da representatividade e grandeza do número, o consumidor 8 milhões traz a Cemig de volta às origens, uma vez que Conselheiro Mata fica no município de Diamantina, terra natal do idealizador e maior incentivador do desenvolvimento mineiro por meio da Cemig: Juscelino Kubitschek. Na década de 1950, o ex-governador de Minas e ex-presidente da República redigiu do próprio punho um bilhete à que deu início à Companhia, que é hoje a maior empresa integrada do sistema elétrico brasileiro.

De acordo com Mauro Borges Lemos, "o consumidor 8 milhões ressalta a rica história da Cemig na promoção do desenvolvimento e modernização de Minas Gerais, além de representar o avanço da Empresa como uma das mais importantes concessionárias de energia elétrica do mundo, líder em inovação e tecnologia para a geração de energias limpas e renováveis".

Ainda hoje, às 18h, Mauro Borges Lemos e a diretoria da Cemig visitam a Casa JK, sede do museu temático sobre o ex-presidente, em Diamantina, para a obliteração do selo postal comemorativo pelos 8 milhões de ligações realizadas. As comemorações se encerram com uma vesperata no centro histórico da cidade, Patrimônio Cultural da Humanidade, com a presença da diretoria da Cemig.

Sobre a Cemig

A Cemig é hoje a maior empresa integrada do setor de energia elétrica do País, sendo o maior grupo distribuidor, responsável por aproximadamente 12% do mercado nacional. É ainda o segundo maior grupo transmissor e o terceiro maior grupo gerador, com um parque formado por 79 usinas hidrelétricas, três térmicas e 23 eólicas, com uma capacidade instalada de 11.838 MW. Neste ano, a Concessionária foi selecionada, pela 16ª vez consecutiva, para compor a carteira do Dow Jones Sustainability World Index no período 2015/2016, mantendo-se como a única Companhia do setor elétrico da América Latina a fazer parte do DJSI World desde a sua criação, em 1999. A Companhia está presente em 22 Estados e no Distrito Federal e opera uma linha de transmissão no Chile. Conta com mais de 115 mil acionistas em 44 países e ações negociadas nas Bolsas de Valores de Nova York, Madri e São Paulo.

Recentemente, a Cemig estabeleceu sociedade, por meio de sua controlada Renova, com a maior empresa de energia fotovoltaica do mundo, a norte-americana SunEdison. Com essa parceria, a Cemig/Renova já se encaminha para a implantação da maior planta fotovoltaica do país, no estado da Bahia, mesmo local onde a empresa mantém sua usina de geração de energia eólica.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.