terça-feira, 1 de Abril de 2014 07:44h

Cohab Minas recebe prêmio nacional em reconhecimento à política habitacional no Estado

Companhia de Habitação do Estado foi homenageada com o Selo Mérito Especial 2014, da Associação Brasileira de Cohabs e Agentes Púbicos de Habitação.

A Companhia de Habitação do Estado de Minas Gerais (Cohab Minas), responsável pela implementação da política habitacional do Governo do Estado, recebeu o "Selo do Mérito Especial - Edição 2014", em reconhecimento ao trabalho realizado em parceria com o programa "Minha Casa, Minha Vida - sub 50". A premiação foi concedida pela Associação Brasileira de Cohabs e Agentes Públicos de Habitação e Fórum Nacional de Secretários de Habitação e Desenvolvimento Urbano, durante o 61º Fórum Nacional de Habitação de Interesse Social, realizado em Brasília.

O trabalho da Cohab Minas foi destaque, no Brasil, na execução do "Minha Casa, Minha Vida", sendo responsável pela construção de 12 mil casas, em 335 cidades mineiras. O Selo do Mérito premiou a Companhia pelo modelo exitoso de atendimento na categoria de municípios com até 50 mil habitantes. "Este é o reconhecimento do trabalho de toda a equipe da Cohab Minas. Fico feliz e orgulhoso com o prêmio, que nos estimula a continuar trabalhando por uma causa tão nobre e que nos traz tanta satisfação", disse o presidente da Cohab, Octacílio Machado Júnior.

O diretor de Construção da Companhia, José Antônio Costa Cintra, fez uma apresentação da experiência de Minas Gerais no programa habitacional, durante Fórum Nacional de Habitação, que contou com participantes de companhias de habitação de todo o país. O trabalho em parceria com as prefeituras é fundamental para a execução dos projetos habitacionais em todo o Estado. As administrações municipais assumem, como contrapartida, a doação de terrenos com pavimentação primária, drenagem, infraestrutura viária e redes de água, luz e esgoto, com apoio das concessionárias de serviços de energia e abastecimento, principalmente Cemig, Copanor e Copasa.

As casas entregues pela Cohab Minas, no âmbito do programa nacional, têm dois quartos, sala, cozinha, banheiro, circulação e área de serviço, totalizando 40,79 m² de área com possibilidade de expansão horizontal. São casas com laje pré-moldada revestida sobre a cozinha e forro PVC nos demais cômodos; telhado cerâmico com engradamento metálico.

Na sala, quartos, cozinha e banheiro o piso é de cerâmica. A área de serviço tem piso cimentado. As paredes do banheiro, cozinha e área de serviço têm revestimento cerâmico numa altura de 1,5 metro. As casas são entregues com pintura látex na parte interna e pintura acrílica na parte externa. Todas as moradias podem ser adaptadas em termos de acessibilidade para cadeirantes.

Pesquisa de satisfação feita pela Cohab Minas, com aos mutuários, revela um índice de satisfação de 82,75%, levando em conta itens como localização do conjunto, tamanho do lote, qualidade da construção e valor da construção.

Desde 2005, quando foi criado o programa Lares Geraes Habitação Popular (PLHP), a Cohab Minas superou a marca de 33 mil casas construídas. Foi investido no período R$ 1,1 bilhão, sendo R$ 602 milhões em recursos do Governo de Minas e o restante em contrapartida de municípios e programas do governo federal.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.