segunda-feira, 15 de Dezembro de 2014 09:56h

Concurso público abre inscrições para mais de 440 vagas em escolas estaduais indígenas

Vagas disponíveis são para Assistente Técnico de Educação Básica, para Professor de Educação Básica e e para Especialista em Educação Básica

A partir desta segunda-feira (15/12) os educadores interessados em concorrer a uma vaga para atuar em escolas estaduais indígenas e/ ou turmas indígenas vinculadas às escolas estaduais não indígenas já podem se inscrever no Concurso Público da Educação. As inscrições podem ser feitas até o dia 16 de janeiro de 2015, pelo site do Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC), responsável pela realização dos concursos públicos.

Ao todo, são oferecidas 443 vagas para atuar em escolas estaduais indígenas e/ ou turmas indígenas vinculadas às escolas estaduais não indígenas. O valor de inscrição será de R$ 30,00 para a vaga de Assistente Técnico de Educação Básica, R$ 40,00 para Professor de Educação Básica e R$ 45,00 para Especialista em Educação Básica.

A remuneração para os cargos de Assistente Técnico de Educação Básica (ATB) é de R$1.005,46 para a carga horária semanal de 30 horas. Para os cargos de Especialista em Educação Básica (EEB) é de R$1.455,30, com carga horária semanal de 24 horas. Para os cargos de Professor de Educação Básica (PEB) a remuneração inicial será de R$1.455,30 para uma jornada de 24 horas semanais.

Para participar do processo seletivo, o candidato deve ser indígena e pertencer à etnia da aldeia onde deverá exercer as suas atividades. Isso deverá ser comprovado mediante declaração de sua identidade étnica indígena assinada pelo líder da comunidade (Cacique da Aldeia) da qual faça parte.

O edital completo do concurso encontra-se disponível nos sites www.ibfc.org.br; www.planejamento.mg.gov.br e www.educacao.mg.gov.br.

Outros concursos

Também estão abertas as inscrições para o para preenchimento de mais de 17 mil vagas para as carreiras da Secretaria de Estado de Educação (SEE). As inscrições para estes concursos podem ser feitas até o dia 11 de janeiro de 2015, pelo site do Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC).

- Conservatórios Estaduais de Música de Minas Gerais

Vagas: Para o cargo de Professor de Educação Básica, com atuação nos Conservatórios Estaduais de Música de Minas Gerais, as oportunidades são, por exemplo, para Regência/Música, Artes Plásticas, Instrumento/Guitarra, entre outros, conforme prevê o edital Seplag/SEE 02/2014. Ao todo, são ofertadas 1.237 vagas.

- Ensino Especial

Vagas: O edital Seplag/SEE 05/2014 traz oportunidades para preenchimento de vagas para atuação em escolas especiais e Atendimento Educacional Especializado em escolas regulares. Os cargos, neste caso, para os quais os interessados podem concorrer são os das carreiras de Especialista em Educação Básica (Orientação Educacional), Especialista em Educação Básica (Supervisão Pedagógica), Professor de Educação Básica com atuação nos anos iniciais do Ensino Fundamental, Professor de Educação Básica para atuação em conteúdos específicos dos anos finais do Ensino Fundamental e Ensino Médio, Professor de Educação Básica Intérprete de Libras e para atuação nas salas de recurso. Ao todo, são ofertadas 1.285 vagas.

- Ensino Religioso

Vagas: Para o cargo de Professor de Educação Básica - Ensino Religioso, o edital Seplag/SEE 03/2014 prevê 1.648 oportunidades.

- Ensino Regular

Vagas: Na educação básica, são ofertadas vagas de Assistente Técnico de Educação Básica (auxiliar de secretaria); Especialista em Educação Básica (supervisão pedagógica), Especialista em Educação Básica (orientação educacional), Professor de Educação Básica com atuação nos anos iniciais do Ensino Fundamental e Professor de Educação Básica para atuação em conteúdos específicos dos anos finais do Ensino Fundamental e Ensino Médio. Ao todo, são ofertadas 13.454 vagas. Outras informações estão disponíveis no edital Seplag/SEE 04/2014.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.