sexta-feira, 17 de Fevereiro de 2012 09:16h Atualizado em 17 de Fevereiro de 2012 às 11:41h.

Cruzeiro vence o Nacional no Farião

Veja a cobertura fotográfica

O Cruzeiro cheio de altos e baixos venceu o Nacional de Nova Serrana, em partida disputada no Waldemar Teixeira de Faria, em Divinópolis. Wellington Paulista foi o destaque da partida, fez três gols e Wallyson também deixou a marca dele. A vitória de 4x2 demonstrou algumas fragilidades da equipe celeste.
O jogo foi bem disputado na primeira etapa e o placar de 1x0 parecia até agradável a equipe celeste. O susto aconteceu quando o goleiro Douglas Pires se chocou com o atacante Marcinho. O atleta saiu de campo com suspeita de ter quebrado o maxilar. Búfalo de Nova Serrana virou o jogo. E somente depois disso que o time acordou. Montillo voltou a criar boas jogadas e colocar os atacantes em chance de marcar, inclusive foi do principal jogador celeste o lance que originou o pênalti, convertido por Wallyson. Ele chorou na comemoração e na entrevista após a partida.
O treinador Mancini disse que aconteceram coisas inexplicáveis. “Erramos feio e um jogo que parecia fácil se tornou difícil. Tivemos de mexer no time para ficarmos ainda mais objetivos no ataque. Um dia o Anselmo Ramon decide um jogo, no outro dia o Wellington e assim o ataque é comprometido”, explicou uma conversa ao pé do ouvido de Montillo. “É um atleta que vê bem os companheiros, vim com ele pedir para acertar o último passe onde muitos erros foram mostrados”, falou.
O atleta Wellington Paulista ressaltou a importância de iniciar bem uma temporada e evitou metas. “Ano passado estipulei uma meta e cai do cavalo. Continuarei  fazendo os gols e ajudando  a minha equipe. Eu poderia ter batido o pênalti e quero ser ainda mais artilheiro. Sei da luta que ele teve. Todo dia mancando. Passamos o dia todo junto e eu vejo ele muito cabisbaixo é para ele voltar a ter confiança”, disse.

Wallyson marca após cirurgia
Autor do último gol do Cruzeiro na importante vitória sobre o Nacional, de Nova Serrana, por 4 x 2, na noite de ontem, o atleta não conseguiu conter a emoção e foi às lágrimas após marcar o quarto gol da equipe cinco estrelas. “Depois do gol, passou aquele filme, desde a cirurgia, o tratamento, a recuperação e tenho que agradecer aos  companheiros, à minha família que sempre me apoiaram. Todos os jogadores sabem o trabalho que venho fazendo para minha recuperação. Chegava chorando no vestiário e todo mundo me ajudou. Quero agradecer muito a eles”, comentou Wallyson.
O atleta marcou o gol de pênalti, quando a partida estava 3 x 2 para o Cruzeiro, e foi designado para fazer a cobrança quando todos pensavam que Wellington Paulista seria o batedor, já que ele havia marcado os três gols anteriores.
 

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.