segunda-feira, 30 de Julho de 2012 12:49h Gazeta do Oeste

Datafolha aponta que saúde é o principal problema de BH

A pesquisa do Datafolha apontou que 33% dos eleitores consideraram a saúde como o principal problema em Belo Horizonte. O trânsito apareceu em segundo lugar com 17% das menções e a segurança foi citada por 13%. O transporte coletivo é citado por 9%, educação e pavimentação das ruas são mencionados por 4%, cada.

 


A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pelo jornal "Folha de S. Paulo".

 

A pesquisa mostrou que Marcio Lacerda, que está há três anos e seis meses à frente da Prefeitura de Belo Horizonte (PBH), é considerado ótimo ou bom por 51% dos eleitores da cidade. Em novembro de 2010, o índice era de 54%. O total dos que o avaliam como ruim ou péssimo passou de 10% no final do ano passado para 12%. Já 34% dos entrevistados avaliam como regular a gestão de Lacerda. Em levantamento realizado em 2010, a porcentagem era de 30%.

 


A pesquisa foi realizada entre os dias 19 e 20 de julho. Foram ouvidas 827 pessoas em Belo Horizonte. A margem de erro máxima é de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos.

 


A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG), sob o número MG-00150/2012.

 


Para 42% dos eleitores da capital mineira, a prioridade do próximo prefeito deve ser a área da saúde. A seguir aparecem segurança e trânsito (10%, cada), educação 9% e transporte coletivo 6% de menções.

 

 

 

 

 

 

G1

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.