quinta-feira, 9 de Outubro de 2014 12:38h

Demanda do consumidor por crédito recua 1,6% em setembro

O número de pessoas que buscou crédito em setembro recuou 1,6% em relação a agosto, segundo a empresa de consultoria Serasa Experian.

Na comparação com setembro de 2013, houve crescimento de 10,4% na procura por crédito. De acordo com o levantamento, a demanda teve queda de 3,6% no acumulado de janeiro a setembro deste ano, na comparação com o mesmo período no ano passado.

Por rendimento, houve declínio em todas as faixas de renda durante o mês de setembro. Entre quem ganha de R$ 500 a R$ 1 mil mensais, a queda foi 2,2% perante agosto. Para os que recebem entre R$ 1 mil e R$ 2 mil, a queda foi 1,7%. Aqueles que ganham entre R$ 2 mil e R$ 5 mil, o recuo chegou a 1,1% e para os que recebem mais de R$ 10 mil o declínio foi 1,3%.

Por região, as maiores quedas ocorreram nas mais desenvolvidas do país, com baixa de 2,6% no Sul e 2,2% no Sudeste. No Nordeste o recuo foi 0,5% e no Centro-Oeste foi 0,2%. Apenas houve avanço da demanda do consumidor, por crédito, na Região Norte, uma alta de 1%.

De acordo com os economistas da Serasa, o recuo da demanda por crédito reflete a sazonalidade mais fraca de setembro. O Dia dos Pais, em agosto, concentrou a busca por crédito.'

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.