quinta-feira, 5 de Maio de 2011 11:22h Ag?ncia Minas

DER/MG completa 65 anos com histórico de resultados positivos e novos desafios

Nesta quarta-feira (4), o Departamento de Estradas de Rodagem do Estado de Minas Gerais (DER/MG), criado em maio de 1946, comemorou o seu 65º aniversário. A autarquia vem acumulando resultados positivos na gestão da área de transportes, logística e obras rodoviárias em Minas. Responsável por programas estruturadores como o de Pavimentação de Ligações e Acessos Rodoviários aos Municípios (Proacesso), Recuperação e Manutenção Rodoviária (ProMG), Aumento da Capacidade e Segurança dos Corredores de Transporte (Proseg) e a Potencialização da Infraestrutura Logística da Fronteira Agroindustrial, além de ações educativas e de fiscalização do transporte coletivo de passageiros, o DER/MG se renova a cada ano.

 

O secretário de Estado de Transportes e Obras Públicas, Carlos Melles, destacou a vitalidade do órgão, que, segundo ele, reflete o esforço ininterrupto de colaboradores, dirigentes e parceiros “que, ao longo das últimas quase sete décadas, contribuíram decisivamente para a evolução da instituição e do sistema rodoviário de Minas, com a plena consciência do momento histórico que estavam vivendo em cada etapa”. Ele também agradeceu o trabalho dos servidores. “A todos que nos precederam e a todos que continuam fazendo do DER um patrimônio de Minas e um orgulho do governo mineiro, transmito neste momento nosso melhor muito obrigado, e creio que nossa forma de agradecer este esforço é reiniciar, a cada dia, a bela jornada do DER, que ano após ano acumulou não só tradição e respeitabilidade no complexo setor de rodovias e transporte, mas, sobretudo, a experiência de muitos e importantes desafios, mantendo a determinação de sempre avançar”, disse.

 

Para o diretor geral do DER/MG, José Elcio Monteze, o departamento sempre enfrentou desafios. “No início, em 1946, demos o primeiro passo para dotar o Estado de Minas de uma infraestrutura em rodovias capaz de transportar pessoas, bens e serviços. No momento, estamos finalizando o Proacesso, dando continuidade ao ProMG e temos com o programa Caminhos de Minas uma grande tarefa para os próximos anos. A Secretaria de Transportes e Obras Públicas (Setop) e o DER/MG também estão atuando na melhoria das condições de mobilidade da Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH), como na implantação da Linha Verde e na duplicação da Avenida Antônio Carlos”, comentou Monteze.

 

Ele acrescentou, ainda, que desde 2003 até o momento, o Governo de Minas, através do DER/MG, investiu R$ 6,8 bilhões, que resultaram em um grande salto na qualidade e na quantidade da malha rodoviária asfaltada. “Saímos de aproximados 14 mil quilômetros e chegamos a mais de 19,3 mil quilômetros de rodovias pavimentadas em Minas. Com o programa Caminhos de Minas, a perspectiva que temos é de acrescentar à malha rodoviária estadual pavimentada mais de 7 mil quilômetros de novas rodovias. As ações desenvolvidas pela equipe técnica do DER/MG, desde a sua criação até hoje, são reconhecidas pela sociedade. Esse reconhecimento demonstra a qualidade do trabalho realizado”, finalizou Monteze.

 

Os 100 primeiros dias do DER no Governo Anastasia

 

Durante os 100 primeiros dias do Governo Anastasia, que teve início em 1º de janeiro de 2011, o DER/MG deu continuidade às obras do Proacesso, aplicando recursos de mais de R$ 110 milhões na pavimentação de 92,5 quilômetros e concluindo a ligação ao município de São José da Safira e São Pedro da União. O programa atingiu 84% da meta prevista.

 

Com o Programa Caminhos de Minas, a primeira obra está em andamento, trata-se da ligação entre Brumadinho, Piedade do Paraopeba e a BR 040. O programa tem ainda mais 1,8 mil quilômetros em projetos concluídos e outros 1,8 mil quilômetros em projetos de engenharia em elaboração.

 

Já com o ProMG, foram recuperados 139 quilômetros com investimento de mais de R$ 40 milhões, além de ter sido iniciado o processo licitatório para a recuperação e manutenção de 417,8 quilômetros localizados na região de Formiga. Vale destacar, ainda, outras obras em andamento, como Bom Jesus do Amparo a Ipoema e Uberlândia a Campo Florido.

 

Para oferecer segurança aos motoristas nas rodovias mineiras, foram fiscalizados mais de 600 mil veículos em 45 postos de pesagem; e os 114 equipamentos de segurança viária, entre redutores eletrônicos de velocidade, radares fixos e móveis, instalados nas rodovias estaduais fiscalizaram mais de 64 milhões de veículos. O trabalho de fiscalização do transporte de passageiros abordou 65,8 mil veículos.

 

Na RMBH, foi concluída a última etapa da participação do DER/MG no convênio celebrado com a Prefeitura de Belo Horizonte para as obras de duplicação da avenida Antônio Carlos, garantindo a conclusão da obra de construção do viaduto no Complexo da Lagoinha, com 352,7 metros de comprimento e nove de largura. Encontra-se em andamento, a recuperação funcional da rodovia MG 424, no trecho entre Pedro Leopoldo e Sete Lagoas.

 

Além disso, a Gerência Educação para o Trânsito realizou o seminário “Minas educando para um trânsito mais seguro”, em Poços de Caldas, e Cursos de Capacitação de Professores em cidades beneficiadas com o asfalto do Proacesso, como Itambé do Mato Dentro, Passabém, Medina, Comercinho e Santa Cruz de Salinas. Especificamente na área de educação ambiental, foi realizado, dentro do Programa de Educação Ambiental do DER/MG, cursos para trabalhadores da obra e representantes da comunidade de Morro do Pilar, também integrante do Programa Proacesso.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.