sábado, 17 de Maio de 2014 07:32h

Emater-MG participa da Expocafé 2014 com mostra de tecnologias e políticas públicas para a agricultura familiar

A Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (Emater-MG).

A Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (Emater-MG) se prepara para participar da 17ª edição da Expocafé, no periodo de 04 a 06 de junho, na Fazenda Experimental da Epamig, em Três Pontas, no Sul de Minas. Considerada o maior evento do agronegócio cafeeiro do país, a Expocafé promete disponibilizar o que há de melhor e mais moderno no setor, contemplando todo o ciclo da cultura, desde o plantio à colheita.

No espaço de 400 metros quadrados, reservado à empresa pública mineira de assistência técnica e extensão rural, os visitantes poderão ter acesso às informações, serviços e tecnologias de baixo custo, destinadas aos produtores do segmento agricultura familiar. A informação é do extensionista da empresa, em Três Pontas, Luiz Eustáquio de Carvalho, um dos técnicos da equipe local.

“Teremos um estande, mostrando o programa Certifica Minas Café, outro mostrando hortaliças hidropônicas, além da apresentação de três tipos de terreiros para secagem de café, fossa ecológica, curral feito de borrachas de pneus, aquecedor solar feito de garrafa pet, torrador de café movido a água e arrancador mecânico de mandioca”, enumera.

O extensionista da Emater-MG chama atenção também para a disponibilização de informações sobre políticas públicas trabalhadas pela extensão mineira, como o Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) e o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA). “Vamos mostrar produtos da agricultura familiar comercializados por esses dois programas. Contamos com banners, folhetos e folderes e uma equipe técnica de plantão para atendimento, formada por extensionistas das regionais Sul”, explica.

A Expocafé 2014 é uma realização do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) e da vinculada Epamig. A Cooperativa do Cafeicultores da Zona de Três Pontas Ltda (Cocatrel), que reúne mais de 4.200 produtores rurais de cerca de 60 municípios participa da realização da feira.

Maior produção do país tem certificação

Considerado o maior produtor nacional de café, o estado de Minas Gerais tem mais de um milhão de hectares plantado do grão, sendo responsável por mais de 50% da safra brasileira. É o que comprova, mais uma vez, a segunda estimativa de produção do Estado para a safra 2014, divulgada esta semana, pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). No levantamento, o órgão federal mostra uma produção estimada para Minas, em quase 23 milhões de sacas. As regiões Sul e Centro-Oeste aparecem como as maiores produtoras do estado, com estimativa conjunta de 10,87 milhões de sacas.

Em todo o pais, a produção da safra cafeeira prevista indica um volume de 44,57 milhões de sacas de 60 quilos. Ainda em Minas Gerais, levantamento da Seapa aponta também, que o café é o principal produto de exportação do agronegócio do estado, sendo vendido para mais de 60 países do mundo.

Reconhecendo o valor desse produto para a economia estadual, o Governo de Minas vem incentivando o setor, com o Certifica Minas, que certifica propriedades cafeeiras, qualificando-as para as exigências do comércio mundial. A Emater-MG atua no programa, orientando os cafeicultores nas adequações necessárias das propriedades. Em 2013, o Certifica Minas fechou com 1.643 propriedades certificadas em 236 municípios. A expectativa para este ano é que o programa atinja o mesmo número, segundo o gestor do programa na empresa de extensão rural, Julian Carvalho.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.