quinta-feira, 16 de Junho de 2016 16:27h Agência Minas

Festival Nacional de Arte e Cultura da Reforma Agrária é lançado em BH

Capital mineira recebe primeira edição de evento que vai reunir assentamentos de todo o país, com apoio do Governo do Estado

Em cerimônia realizada em Belo Horizonte, na noite de quarta-feira (15/6), foi lançado oficialmente o Festival Nacional de Arte e Cultura da Reforma Agrária, previsto para se realizado entre os dias 20 e 24 de julho, na Serraria Souza Pinto, na capital mineira.

Segundo a direção do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), representantes de assentamentos da reforma agrária de 15 estados já confirmaram presença. É a primeira vez que o movimento reúne em um só evento arte e agricultura familiar.

 

 

 

A programação inclui shows nacionais e dos compositores sem terra à feira de produtos da reforma agrária, gastronomia de todas as regiões do país, acampamento modelo para visitação, entre outras atrações.

O líder do MST, João Pedro Stédile, afirmou que o festival “não é uma iniciativa do movimento”. “Centenas, milhares de companheiros de luta estão envolvidos, somando esforços para viabilizar essa ideia”, disse.

 

 

 

Política de Estado

O secretário de Estado de Desenvolvimento Agrário, Professor Neivaldo, lembrou que a realização do festival é parte de uma política de Estado para promover o desenvolvimento produtivo dos assentamentos da reforma agrária.

“Desde que foi criada, a Seda já realizou várias ações em parceria com os movimentos pela reforma agrária. Promovemos seminário, doamos equipamentos para incentivar as agroindústrias e agora vamos apoiar o festival”, disse Professor Neivaldo.

A superintendente dos Fóruns Regionais da Secretaria de Estado de Governo, Neila Batista, e a chefe de Gabinete da Secretaria de Estado de Planejamento e Gestão (Seplag), Lígia Pereira, também reafirmaram o compromisso do Governo Pimentel em apoiar a iniciativa.

 

 

 

Após a abertura oficial, o público conferiu a apresentação de artistas do quilate de Titane, Pereira da Viola, Rubinho do Vale, Vander Lee, Wilson Dias, Renegado, Gabriel Guedes, entre outros.

Inscrições abertas

Além da feira de produtos da reforma agrária, o festival irá contar com o Festival de Música "Da luta Brotam Vozes de Liberdade" e a Mostra de Poesia "Versando a Luta". As inscrições estão abertas. Saiba mais no link: www.mst.org.br/festival-da-reforma-agraria

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.