quinta-feira, 27 de Fevereiro de 2014 06:33h

Frota de município no Sul de Minas será movida a gás natural veicular

Prefeitura de Andradas decidiu pela conversão de todos os 18 veículos da administração municipal.

Depois de comprovar os benefícios econômicos e ambientais do gás natural veicular (GNV), com o projeto piloto de uma Kombi escolar movida a GNV, a Prefeitura de Andradas, no Sul de Minas, decidiu pela conversão de todos os 18 veículos da frota da administração municipal.  A expectativa é economizar mais de R$ 100 mil por ano com gastos de combustíveis, em substituição à gasolina.

“Esses recursos poderão ser destinados a despesas mais importantes, como merenda escolar e outras benefícios sociais. E ainda estaremos contribuindo para a qualidade do ar da nossa cidade”, avalia o prefeito Rodrigo Lopes. A administração já concluiu a licitação para a adaptação da frota, trabalho que será executado pela oficina Techno Gás.

Sucesso em piloto

Para o projeto piloto, há um ano, a Gasmig, o Posto Santa Bárbara e fabricantes de equipamentos estabeleceram um convênio com a Prefeitura, que recebeu a conversão gratuita da Kombi, com tecnologia de ponta, e gás natural suficiente para rodar por 90 dias.“Estamos adotando essa estratégia de pilotos, reunindo parceiros de toda a cadeia do GNV, para que os potenciais usuários possam comprovar as vantagens do gás e perceberem, na prática, como a tecnologia desses motores evoluiu, abandonando de vez o mito de que os veículos perdem potência ou são danificados pelo gás natural. Exatamente pelo fato de ser gasoso e muito mais limpo, o GNV causa menos danos aos motores do que os combustíveis líquidos, principalmente a gasolina e o diesel”, explica o coordenador de GNV da Gasmig, Welder Souza.    

Andradas, uma das cidades conectadas ao Gasoduto do Sul de Minas, foi o primeiro município da região a contar com um posto de abastecimento de GNV. Hoje, o energético também é comercializado por um posto de combustíveis em Poços de Caldas. A frota da prefeitura será a segunda frota corporativa movida a GNV no Estado, iniciativa que foi estreada pela Gasmig em 2013 e já rendeu à empresa a certificação “Selo BH Sustentável”, da Prefeitura de Belo Horizonte, pela contribuição de seus 37 veículos para a qualidade do ar na capital.

Promoção Vou no Gás

A frota de Andradas ainda contará com o incentivo da promoção Vou no Gás, que concede  bônus de 600 m³ de gás para cada veículo convertido, no caso de frotistas e taxistas, o que é suficiente para rodar cerca de 8 mil km sem pagar pelo abastecimento. “Em termos financeiros, esse benefício representa mais de R$ 2 mil, o que, por si só, permite a recuperação de metade do valor investido na adaptação do veículo”, ressalta Welder.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.