quinta-feira, 23 de Fevereiro de 2012 15:24h Atualizado em 24 de Fevereiro de 2012 às 10:18h.

Governador destaca aumento das exportações e geração de empregos em Minas

“Apesar da crise internacional, a economia e os números relativos ao emprego em nosso Estado vão muito bem”, afirma Anastasia.

O governador de Minas Gerais, Antônio Anastasia (PSDB) comentou esta semana na Cidade Administrativa, sobre o bom desempenho da economia mineira, mesmo em um cenário de crise internacional. As exportações de Minas Gerais atingiram o valor de US$ 2,3 bilhões em janeiro de 2012, mantendo o ritmo de crescimento de 2011. “Nós conseguimos aumentar as exportações em relação a 2010 em 32%. Com mais de US$10 bilhões em acréscimo, chegamos ao patamar de cerca de US$ 41 bilhões em exportações. É um aumento quase inacreditável”, destacou o governador.
Um dos setores responsáveis pelos bons resultados das exportações mineiras foi o agronegócio, que teve um crescimento de quase 28% em 2011 na comparação com 2010. “Quando o agronegócio vai bem, toda a cadeia produtiva também anda bem, porque há presença de recursos no interior e permite a compra de automóveis, equipamentos etc. E isso é muito positivo”, afirma Anastasia.
Outro resultado positivo da economia mineira é a taxa de desemprego na região metropolitana de Belo horizonte, que atingiu em 2011 o menor índice da série histórica da Pesquisa de Emprego e Desemprego (PED-RMBH), que desde 1996 é feita pela Fundação João Pinheiro. Já pesquisa do IBGE, divulgada na semana, passada mostra que, em janeiro de 2012, a taxa de desemprego na região metropolitana de BH ficou em 4,5%, inferior ao resultado de 5,5% do Brasil. “Estamos em uma situação de emprego bastante aquecida em Minas Gerais. Há uma carência de mão de obra – o que leva o Governo do Estado a procurar cursos de qualificação para termos os empregados qualificados para empregos ainda melhores”, conclui o governador.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.