quinta-feira, 4 de Fevereiro de 2016 11:43h Agência Minas

Governador participa de inauguração da fábrica da Ambev em Uberlândia

Pimentel esteve ao lado da presidenta Dilma Rousseff e destacou a importância do investimento e a confiança no crescimento de Minas Gerais e do Brasil

O governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel, participou nesta quinta-feira (4/2), ao lado da presidente Dilma Rousseff, da inauguração da fábrica da Ambev em Uberlândia, no Território Triângulo do Norte. Foram investidos mais de R$ 770 milhões na unidade, que emprega diretamente 480 trabalhadores em sua produção.
Em seu discurso, o governador destacou a importância para o Estado do investimento, que, na fase de obras contou o com trabalho de nove mil pessoas. “É uma enorme alegria podermos celebrar um investimento importante do setor privado aqui em Minas Gerais, na região do Triângulo, mostrando a confiança desta empresa brasileira, mas que é uma grande multinacional, em escolher Minas Gerais para investir. Isso nos dá muito orgulho, porque mostra a nossa capacidade e a nossa competência”, afirmou.

 


Fernando Pimentel e a presidenta Dilma Rousseff visitaram as instalações da fábrica, que tem capacidade para produzir seis milhões de hectolitros de cerveja por ano. A unidade de Uberlândia é a única cervejaria da Ambev no país a produzir a marca Budweiser em garrafa de um litro em vidro retornável.
Dilma Rousseff destacou o trabalho para o desenvolvimento da região. “Acredito que a decisão da Ambev de escolher Uberlândia para estabelecer uma das suas grandes unidades é algo muito bem-vindo, porque reafirma e consolida o papel regional de todo o Triângulo Mineiro, uma região bastante importante nos setores industrial, agrícola e pecuário. Isso é importante porque consolida o futuro da região e consolida o futuro do Brasil”, disse a presidenta.

 



Confiança
Pimentel destacou, ainda, a história de trabalho dos mineiros, reforçando o empenho da nova gestão para ajudar o Brasil a retomar o caminho do crescimento. “O único Estado que tem no seu nome de origem uma profissão é Minas Gerais. Nós somos mineiros, e mineiro significa trabalhador. Alguém disse que o primeiro nome de Minas é liberdade, mas o outro nome é trabalho. Aqui, nós superamos a crise com trabalho, com empenho e dedicação. Aí não tem crise que nos vença. Estamos aqui para reafirmar o nosso compromisso, e é isso que nos une a todos”, afirmou o governador.

 


Segundo a presidenta, após o ano desafiador de 2015, o objetivo é fazer com que 2016 seja o ano de retomada dos investimentos no país. Dilma destacou, além da busca de investimentos privados, os investimentos públicos e a manutenção dos programas sociais. “Uma empresa do porte da Ambev decidindo um investimento nessas proporções é porque ela sabe que as dificuldades que o Brasil está enfrentando são momentâneas. É uma demonstração de confiança no futuro do nosso país”, disse.
O prefeito de Uberlândia, Gilmar Machado, também destacou o trabalho realizado no Triângulo Mineiro, com o apoio do governo do Estado, para movimentar a economia do país. “Aqui, nós estamos dando a nossa contribuição, e continuaremos empreendendo. As crises são para serem vencidas. Acreditamos em nossa cidade, no nosso Estado e no nosso país”, afirmou.

 



Investimentos
Segundo o presidente da Ambev, Bernardo Paiva, a escolha de Uberlândia para a instalação da nova cervejaria se deve à excelente infraestrutura, mão de obra qualificada e posição geográfica estratégica. “Devido à ampla capilaridade e à extensa cadeia de suprimentos que movimentamos, o setor cervejeiro está entre os que possuem maior efeito multiplicador na economia brasileira. Como aponta a Fundação Getúlio Vargas (FGV), só a nossa operação de Uberlândia pode gerar 24 mil empregos no país”, afirmou.

 


A unidade de Uberlândia possui tecnologia de ponta no que se refere à ecoeficiência operacional, garantindo menor consumo de água e energia, e sendo movida 100% por combustível renovável, além de reaproveitar quase 100% de todo o resíduo sólido gerado na produção. A Ambev possui outras três fábricas em Minas Gerais: Juatuba, Contagem e Sete Lagoas, além de 10 centros de distribuição.

 


Também participaram do evento os ministros do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Armando Monteiro Neto, do Trabalho e Previdência Social, Miguel Rossetto, o secretário especial da Previdência Nacional, Carlos Gaba, secretários de Estado, deputados federais e estaduais, prefeitos, vereadores, presidentes e diretores de autarquias e fundações estaduais e lideranças políticas da região.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.