terça-feira, 20 de Maio de 2014 06:33h

Governo federal entrega 4,1 mil cisternas em Minas Gerais em abril

Número corresponde a uma média de 137 cisternas instaladas por dia. Desde 2011, 53,5 mil unidades foram implantadas no Semiárido mineiro para apoiar que as famílias de baixa renda tenham acesso à água mesmo em períodos de estiagem

O programa Água Para Todos, que integra o Plano Brasil Sem Miséria, entregou 4.110 cisternas em Minas Gerais em abril – uma média de 137 por dia. Com isso, já chega a 53.525 o total de unidades instaladas desde 2011 pelo governo federal no Semiárido do estado, o que permite captar e armazenar 856,4 milhões de litros de água da chuva para o consumo humano durante a estiagem.

Para a diretora de Fomento e Estruturação da Produção do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), Francisca Rocicleide da Silva, “as cisternas estão modificando a vida do povo do sertão brasileiro, dando mais condições de vida, de produção de alimentos, sem falar que as mulheres e crianças estão com mais tempo para se dedicar aos estudos e outras atividades”. A meta do governo federal é entregar mais 28.423 cisternas até o final de 2014.

Do total de unidades entregues, 25.483 (48,3%) são cisternas de placa de cimento, financiadas pelo MDS, por meio do Programa Cisternas, e por parceiros como a Fundação Banco do Brasil e a Fundação Nacional de Saúde (Funasa). Cada reservatório construído com placas de cimento tem capacidade para 16 mil litros, suficientes para abastecer uma família de cinco pessoas por até oito meses e, assim, amenizar os efeitos da seca prolongada.

Apoio à produção – Para apoiar que os agricultores familiares de baixa renda continuem produzindo mesmo durante o período de estiagem, o governo federal também implanta outras tecnologias de captação da água da chuva, como cisternas do tipo calçadão e de enxurrada, além de barragens subterrâneas e barreiros trincheira.

Desde 2011, já foram entregues 2.944 unidades em Minas Gerais. Em parceria com a Petrobras, a Fundação Banco do Brasil e o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), foram implantadas, no estado, 930 tecnologias de apoio à produção apenas em 2014.

Central de Atendimento do MDS:
0800-707-2003

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.