sexta-feira, 17 de Abril de 2015 14:11h

Hospitais do Norte de Minas vão receber repasses pendentes e novos investimentos do Governo do Estado

A Secretaria de Estado de Saúde vai iniciar, a partir da próxima semana, a regularização dos repasses de recursos aos hospitais microrregionais

Nesta quinta-feira (15/4/15), o secretário Fausto Pereira dos Santos recebeu em seu gabinete o secretário de Estado de Desenvolvimento e Integração do Norte e Nordeste de Minas Gerais, Paulo Guedes, acompanhado do prefeito de Brasília de Minas, Jair Oliva Junior, e do coordenador regional da Sedinor, José Benedito Nunes.  Cumprindo o papel de interlocutor das demandas dos municípios da área de abrangência do Sistema Sedinor/Idene, o secretário Paulo Guedes reiterou sobre a situação atual da Rede de Atenção à Saúde dos municípios, que vem sofrendo com a escassez de recursos para investir em infraestrutura, pagamento de médicos e até compra de medicamentos.
O secretário Fausto Pereira informou que a previsão é que os pagamentos comecem a ser feitos na próxima semana. Segundo ele, assim que forem liberados os recursos da Lei Orçamentária Anual (LOA), serão quitados os meses de janeiro e fevereiro. E, ainda neste mês abril, serão feitos os pagamentos referentes ao mês de março, de acordo com o fluxo de caixa.
NOVOS INVESTIMENTOS
Durante a reunião, o secretário Paulo Guedes também apresentou outras demandas dos hospitais microrregionais de Brasília de Minas, Janaúba, Manga e Januária. O secretário Fausto Pereira se comprometeu a tentar viabilizar recursos do Estado para investimentos em leitos de retaguarda e porta de entrada de urgência e emergência, além de recursos do Pró-Hosp.
Uma outra reivindicação é para implantação de um posto avançado de coleta de sangue do Hemominas, em Janaúba. O secretário Fausto Pereira informou que vai autorizar a realização de estudos de viabilidade da obra. Para o coordenador da Sedinor no Norte de Minas, José Benedito Nunes, esta será uma grande conquista para Janaúba e toda a região da Serra Geral, já que os doadores não vão mais precisar sair da cidade para doar sangue.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.