terça-feira, 3 de Março de 2015 14:14h

Ipsemg oferece atendimento para portadores de esclerose múltipla

Consultas são realizadas todas as quintas-feiras no ambulatório do Centro de Especialidades Médicas (CEM) localizado em Belo Horizonte

Beneficiários do Instituto de Previdência dos Servidores do Estado de Minas Gerais (Ipsemg) diagnosticados ou com suspeita de esclerose múltipla contam com atendimento exclusivo no ambulatório de Neurologia/Doença Desmielinizante do Centro de Especialidades Médicas (CEM), em Belo Horizonte. As consultas, realizadas às quintas-feiras, a partir das 8h, contam com dois especialistas, Juliana Santiago e Rodrigo Kleinpaul, para acompanhamento específico dos pacientes com doenças desmielinizantes, que são alterações do tipo inflamação na bainha de mielina dos nervos presentes no cérebro ou na medula.

Entre as mais conhecidas está a esclerose múltipla, doença crônica do sistema nervoso central que afeta o cérebro e a medula espinhal e interfere na capacidade desses órgãos, causando prejuízos na sensação, movimento, cognição e outras funções dependendo dos nervos envolvidos.

Predominantemente entre jovens de 20 a 40 anos e mulheres, a esclerose múltipla não tem cura. O tratamento consiste em atenuar os afeitos e desacelerar a progressão da doença.

Segundo o neurologista e coordenador da Clínica de Neurologia do Ipsemg, Rodrigo Kleinpaul, o acompanhamento dos pacientes é muito importante para constante avaliação do grau das lesões cerebrais e efetividade do tratamento, “sempre buscando uma resposta adequada em caso de piora neurológica, que pode ser identificada pela imagem da ressonância magnética e apresentação de surtos, e o ajuste da terapêutica aplicada”.

Para atendimento no ambulatório, localizado no 3º andar do CEM, os beneficiários do Ipsemg devem marcar as consultas pelo LigMinas 155.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.