quinta-feira, 4 de Abril de 2013 11:24h ALMG - Assessoria de imprensa

Matéria sobre Teste do Olhinho avança na Assembleia

FFO emitiu parecer favorável a projeto que prevê realização gratuita do teste em até 48 horas após o nascimento do bebê.

Está pronto para ser analisado no Plenário, em 1º turno, o Projeto de Lei (PL) 3.359/12, de autoria da deputada Liza Prado (PSB), que prevê a realização gratuita do Teste do Olhinho (Teste do Reflexo Vermelho) em até 48 horas após o nascimento do bebê. O projeto recebeu parecer favorável na tarde de ontem (3/4/13), na Comissão de Fiscalização Financeira e Orçamentária (FFO). A proposição já havia passado pelas comissões de Saúde e Constituição e Justiça.

O nome do teste se refere ao reflexo vermelho que vem dos olhos quando estes são submetidos a uma fonte de luz. Algumas das doenças que podem ser detectadas pelo exame são a catarata congênita, o retinoblastoma (tumor na retina) e as infecções intra-oculares. Em Minas Gerais, já existe a Lei 16.672, de 2007, que obriga a realização desse teste em recém-nascidos. A lei prevê ainda que, caso seja diagnosticada alguma anomalia, a criança seja encaminhada a um oftalmologista para receber o tratamento adequado.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.