quarta-feira, 21 de Janeiro de 2015 11:08h

Material escolar está 9,3% mais caro este ano

Pesquisa do Procon Assembleia em 16 papelarias de Belo Horizonte registra aumento geral nos preços em relação a 2014

Pesquisa do Procon da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) realizada em 16 papelarias de Belo Horizonte constatou, em relação a janeiro de 2014, aumento médio geral de 9,30% nos preços de 142 itens da lista de material escolar. O levantamento apontou também grandes variações nos preços praticados, podendo chegar a 625% nos produtos da mesma marca e 915,56% nos de marcas variadas.

Consulte a pesquisa completa de preços de materiais escolares.

Os itens que mais aumentaram foram o caderno espiral de capa dura com 320 folhas (77,75%), seguido pelo giz de cera de 12 cores (53,54%) e a lapiseira básica 0.7 (50,44%). Em relação à diferença dos preços entre os estabelecimentos, o produto com a maior disparidade é o minidicionário de inglês, com 915, 56% de variação.

O Procon Assembleia recomenda cautela aos consumidores e aconselha comparar os preços antes da compra.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.