quarta-feira, 7 de Outubro de 2015 13:43h

Minas Gerais oferece 33 mil vagas para qualificação em cursos gratuitos

Aprimoramento oferecido por unidades do Estado e parceiros garante crescimento profissional e abre mercado para o trabalhador

Desde agosto, as unidades mineiras que oferecem cursos técnicos de qualificação profissional, como Sistema S (Senai, Senac, Senat, Senar), institutos federais e Utramig, estão autorizadas a iniciar a execução dos cursos do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec).
Criado pelo Governo Federal em 2011, o Pronatec busca ampliar as oportunidades educacionais e de formação profissional qualificada aos jovens, trabalhadores e beneficiários de programas de transferência de renda.
De acordo com o analista de Gestão e Políticas Públicas da Secretaria de Estado de Trabalho e Desenvolvimento Social (Sedese), Henrique Araújo Pacheco, são mais de 33 mil vagas em Minas Gerais, sendo 23 mil de formação inicial continuada (média 200 horas), disponíveis para qualquer trabalhador. A carga horária mínima é de 160 horas.
“Alguns cursos já estão ocorrendo e muitos outros serão iniciados agora em outubro. Os interessados devem ficar atentos às oportunidades”, diz Pacheco.
Minas Gerais é o estado com maior oferta de Pronatec do Brasil: 325 municípios vão oferecer os mais variados cursos de qualificação, como ajudante de obras, auxiliar de agropecuária, agente comunitário de saúde, assistente de secretaria escolar, assistente financeiro, cabelereiro, cuidador de idosos, eletricista industrial, editor de vídeo, técnico em mecânica, técnico em informática, inglês básico, padeiro, organizador de eventos, entre vários outros.
A cabelereira Shirlene Estefânia Salatiel,  de 28 anos, fez o curso de auxiliar financeiro do Pronatec no Senac.  De acordo com ela, depois que fez o cadastro no Sine de Contagem, em uma semana começou a fazer o curso, que teve duração de três meses.
“Adorei o curso, sou cabelereira, mas sempre tive vontade de trabalhar na área de finanças. Com o curso, enxerguei a possibilidade de mudar de área de atuação”, comenta Shirlene.

Matrícula
Para se inscrever nos cursos, basta procurar os postos do Sine e do UAI no estado e realizar o cadastro pessoal. São 133 unidades no estado. Por meio do site  www.mg.gov.br, acesso rápido, Unidade de Atendimento Integrado – (UAI), o cidadão encontrará o endereço, telefone e horário de funcionamento das UAI’s.
Para efetuar a pré-matrícula é necessário estar munido dos seguintes documentos:  carteira de trabalho, carteira de identidade e CPF. Menores de idade (a partir dos 15 anos) devem apresentar carteira de identidade, CPF e carteira de trabalho (se tiver), acompanhados do responsável legal.

Rumo ao mercado
As vagas são gratuitas. Os postos do Sine e do UAI aguardam retorno dos alunos às suas unidades, após conclusão dos cursos, para que seja feito seu encaminhamento para as vagas do mercado de trabalho.
De acordo com a coordenadora da Uai em Ponte Nova, Ana Tereza Pataro, muitas empresas procuram a UAI em busca de profissionais qualificados. “Os cursos são uma ótima oportunidade de qualificação profissional. Por isso, é importante o trabalhador estar com o cadastro sempre atualizado na unidade, pois quando as vagas são abertas já encaminhamos os interessados”, diz.

Pronatec
O Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), é composto por cinco iniciativas: Expansão da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica; Programa Brasil Profissionalizado; Rede e-Tec Brasil; Acordo de Gratuidade com os Serviços Nacionais de Aprendizagem; e Bolsa-Formação.
O público alvo são os estudantes do ensino médio da rede pública, inclusive da educação de jovens e adultos; trabalhadores; beneficiários dos programas federais de transferência de renda; e estudantes que tenham cursado o ensino médio completo em escola da rede pública ou em instituições privadas na condição de bolsista integral.
O programa conta com uma rede de instituições que demandam cursos voltados para públicos específicos em cada região e, ainda, com uma rede de instituições que ofertam tais cursos. Saiba mais em: http://pronatec.mec.gov.br/index.php.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.