sexta-feira, 6 de Maio de 2016 13:15h Agência Minas

Minas Gerais tem quase 2 milhões de estudantes inscritos na edição deste ano da Obmep

Primeira fase da competição será aplicada no dia 7 de junho. Podem participar alunos do 6º ao 9º ano do ensino fundamental e do ensino médio

A edição deste ano da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep) contará com a participação de 17.839.424 estudantes na primeira fase. Desse total, 1.910.226 são mineiros. Os estudantes inscritos são de 4.583 escolas públicas mineiras.

Este ano, o site da Obmep oferece para os estudantes a oportunidade de consultar quais escolas estão participando desta edição da competição.

Em 2016, em todo o país, participarão da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas 47.474 escolas em 5.544 municípios. Somente 26 municípios brasileiros não têm escolas participantes na edição deste ano da competição.

 

 

 

A competição

Podem participar alunos do 6º ao 9º ano do ensino fundamental e do ensino médio de escolas públicas (municipais, estaduais e federais) de todo o país. A competição tem como objetivo revelar e estimular talentos, além de incentivar o estudo da Matemática.

A Obmep é realizada em duas fases. Na primeira, provas compostas de 20 questões objetivas (múltipla escolha) são aplicadas nas próprias escolas inscritas. Cabe a cada escola participante fazer a correção das provas dos níveis 1 (6º e 7º anos do ensino fundamental); 2 (8º e 9º anos do ensino fundamental) e 3 (ensino médio) com base em gabaritos enviados pela coordenação da Olimpíada, e selecionar os alunos com melhor pontuação.

 

 

 

Os estudantes classificados para a segunda fase fazem uma prova composta de seis questões dissertativas, onde devem expor os cálculos e o raciocínio utilizados nas respostas. Nessa etapa, que define as premiações, as provas são aplicadas em locais definidos pela coordenação da Obmep e corrigidas por professores indicados pelo Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (Impa).

A prova da primeira fase da competição será aplicada no dia 7 de junho, e da segunda, no dia 10 de setembro. No dia 30 de novembro, os resultados serão divulgados no site da Olimpíada.

Iniciada em 2005, a Obmep é uma iniciativa do Impa e promovida com recursos do Ministério da Ciência e Tecnologia e Inovação (MCTI) e do Ministério da Educação (MEC). Além disso, a competição conta com o apoio da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM).

 

 

 

Prêmios

A 12ª edição da Obmep premiará 6.500 alunos (500 medalhas de ouro, 1.500 medalhas de prata e 4.500 medalhas de bronze), além de conceder cerca de 46.200 menções honrosas.

Aos medalhistas será oferecida a oportunidade de participar do Programa de Iniciação Científica Júnior (PIC-Obmep), que será realizado em 2017. O aluno com participação regular no PIC tem direito a uma bolsa de Iniciação Científica Jr. do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico (CNPq/MCTI).

Também são premiados pela Olimpíada professores, escolas e secretarias de educação de municípios que se destacam em virtude do desempenho dos alunos. Na página da Olimpíada, podem ser consultados os critérios utilizados nas premiações.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.