sábado, 5 de Abril de 2014 06:44h

Na transmissão do cargo, Anastasia e o novo governador destacam avanços conquistados

Alberto Pinto Coelho assume o Executivo mineiro com o compromisso de continuar a entregar resultados expressivos para a população.

“Obrigado, meu Deus, por ter me permitido a elevada honra de governar esta terra abençoada. Servidor sou. É essa minha vocação, servir à Causa Mineira. O trabalho há de bater à porta. Ao seu chamado não me furtarei.  Honrar Minas será sempre o meu primeiro dever. Muito obrigado”. Foram essas as últimas palavras de Antonio Anastasia ao passar ao seu sucessor, o governador Alberto Pinto Coelho, o Grande Colar da Inconfidência, símbolo do maior cargo do Executivo mineiro.

“No que me cabe, acolho, com reverência, o dever de zelar por uma herança bendita e levá-la avante nas políticas públicas do Estado”, afirmou Alberto. A cerimônia de transmissão do cargo de governador aconteceu nesta sexta-feira (04/04), no Palácio da Liberdade, em Belo Horizonte. Tanto Anastasia quanto Alberto Pinto Coelho destacaram os resultados alcançados por Minas Gerais nos últimos anos, os legados que ficarão e os próximos passos que o Estado deverá dar.

Anastasia disse que entrega o Governo com a alma leve e a sensação do dever cumprido, tendo se empenhado sempre em favor de Minas. “Para além da geração de empregos e do desenvolvimento econômico, o Governo foi capaz de incrementar as políticas sociais, de fomentar ainda mais a cultura, de valorizar a ciência e a inovação, de continuar priorizando a educação de qualidade e, sobretudo, de honrar a democracia e a verdade republicana”, destacou.

Ele afirmou que nos últimos anos o Governo de Minas arrojou em suas ações sem nunca deixar de respeitar e honrar as tradições e os valores do Estado. Rememorando as centenas de viagens aos municípios mineiros, Anastasia agradeceu o trabalho e o carinho dos mineiros e lembrou o destaque que o Estado tem ganhado por causa do modelo de gestão pública inaugurado em Minas Gerais e dos resultados por ele gerados, frutos da união de esforços do Governo com a sociedade.

“Legamos aos mineiros um Governo eficiente e humanizado, mercê de ingente esforço coletivo, a envolver os Poderes do Estado, as instituições, o setor produtivo, a sociedade civil, os trabalhadores, a população mineira e nossa valorosa equipe política e administrativa. Não que o tenhamos feito por especial inclinação de nossos espíritos. Apenas e tão-somente cumprimos com nosso dever. O Estado de Minas Gerais conquistou, na última década, um patamar superior de governança que lhe permite galgar posições de destaque, a ombrear seu vulto e tradição”, ressaltou.

Anastasia disse ainda que deixa o Governo tranquilo ao passá-lo a Alberto Pinto Coelho, que o ajudou no exercício de governar nesses últimos anos. O governador lembrou ainda das extensas parcerias com os Poderes Legislativo e Judiciário, o Ministério Público, o Tribunal de Contas, a Defensoria Pública e as Prefeituras Municipais.

Respeitar o passado

O governador Alberto Pinto Coelho lembrou os valores, a cultura, a fé e a ousadia do povo de Minas ao longo dos anos e afirmou que traz consigo para o exercício do poder a simplicidade e humildade que os mineiros construíram em sua história. Ele destacou os resultados alcançados pelo Estado nos últimos anos, fruto do Choque de Gestão que, com planejamento e detalhamento de objetivos e metas, conseguiu sanear as contas do Governo estadual e entregar à sociedade serviços públicos de mais qualidade.

“Certo é que, para onde quer que se olhe, há avanços em Minas. Recuperamos a dinâmica econômica e a nossa capacidade de gerar empregos e renda. A telefonia chegou a 100% dos municípios. Removemos do isolamento quase todas as cidades ainda ligadas por estradas de terra, por meio do ProAcesso. E agora avançamos mais, ligando as grandes regiões com o projeto Caminhos de Minas. A mobilidade urbana ganhou impulso formidável”, afirmou.

Planejar o futuro

Lembrando dos resultados que colocam Minas como o primeiro Estado em educação básica no Brasil, Alberto reafirmou seu compromisso com o futuro. “Vamos continuar a ter na educação a chave que abre as portas para o futuro, para o avanço e o progresso do nosso povo, como vem acontecendo nesta década”, disse.

O governador comprometeu-se com os avanços sociais e destacou ainda que o desenvolvimento econômico continuará ganhando destaque no Governo de Minas. “Nossa grande meta é fazer de Minas Gerais um polo nacional da economia do conhecimento, com ênfase na inovação tecnológica e na agregação de valor à produção”, assegurou Alberto.

A Defesa Social ganhou destaque especial do discurso do novo governador. Nesse sentido, ele cobrou do Governo Federal atenção para o tema, propondo um novo pacto de segurança no Brasil.

“É inadmissível que o país continue assistindo, impassível, a esta tragédia diária, que se abate especialmente sobre os jovens brasileiros. Estamos perdendo uma geração inteira para a criminalidade violenta. É hora de uma nova divisão de responsabilidades entre os governos e uma inédita convergência de esforços, inteligência e recursos, além de investimentos em modernização das forças policiais. Também é imprescindível reformar e acrescentar mais rigor aos processos penal e criminal, visando conter o ainda alto nível de impunidade existente”, defendeu.

O governador também destacou em seu discurso temas caros aos mineiros como a renegociação da dívida dos Estados e municípios com a União, a aprovação do novo Marco Regulatório do Minério e a formulação de um novo Pacto Federativo. Alberto finalizou convocando a sociedade a participar dos processos decisórios do Governo de Minas, agradecendo sua família e amigos e assumindo seus compromissos com os mineiros.

“Assim como em seu discurso de posse, em março de 2010, o então vice-governador Antonio Anastasia, ao assumir o Governo do Estado, afiançou que ‘os compromissos de Aécio Neves são os compromissos de Antonio Anastasia’, afirmo hoje e reitero que os compromissos de Aécio Neves e Antonio Anastasia são também os compromissos de Alberto Pinto Coelho. Estejam vocês onde estiverem contem sempre, incondicionalmente, com este governador. Vou trabalhar cada segundo deste mandato para estar à altura das tradições e dos valores de Minas. Para estar à altura da confiança e do respeito de cada um de vocês”, garantiu Alberto Pinto Coelho.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.