quarta-feira, 16 de Setembro de 2015 10:57h

O volume de vendas do comércio em Minas Gerais apresentou uma queda de 0,3% em julho

O comércio varejista mineiro apresentou, em julho, uma queda de 0,3% no volume de vendas em relação ao mês imediatamente anterior, na série dessazonalizada

Trata-se do 7o resultado negativo nos

últimos oito meses (desde dezembro último), fazendo com que o setor acumule uma queda de 4,5% em

relação a novembro de 2014, ponto mais alto da série. Para o Brasil, houve queda de 1,0% no mês, 6o

resultado negativo consecutivo, acumulando uma redução de 7,2% frente a novembro passado (gráfico

1). Neste tipo de comparação, 20 das 27 unidades da federação mostraram queda no volume de vendas.

Gráfico 1 - Índices de volume do comércio varejista, Brasil e Minas Gerais, série dessazonalizada

(2011 = 100)

Os resultados acumulados em 12 meses foram de quedas de 0,1% em Minas Gerais e 1,0% no

Brasil (tabela 1). Esses resultados mostram que o comércio em Minas Gerais, após uma breve

recuperação no segundo semestre de 2014 quando apresentou resultados anualizados em torno de 2,5%,

passou a apresentar uma perda de dinamismo em 2015, com esse indicador se reduzindo desde o início

do ano, passando a apresentar resultados negativos a partir de junho. Para o Brasil, a perda de

dinamismo vem desde agosto de 2013, com resultados negativos a partir de maio (gráfico 2). Além de

Minas Gerais, outras 15 unidades da federação apresentaram variações negativas nesse tipo de

comparação.

Tomando-se a variação acumulada em 12 meses e incluindo-se os resultados volume de vendas do

comércio varejista ampliado (incluindo Veículos, motocicletas, partes e peças e Material de construção),

observa-se que algumas atividades já apresentam, em Minas Gerais, resultados negativos por longo

períodos: Tecidos, vestuário e calçados, Móveis e Livros, jornais, revistas e papelaria (desde abril de

2014, 16 meses), Equipamentos e materiais para escritório, informática e comunicação (desde janeiro

de 2013, 31 meses) e Veículos, motocicletas, partes e peças (desde novembro de 2013, 21 meses).

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.