quarta-feira, 15 de Agosto de 2012 16:06h Gazeta do Oeste

Operação-padrão da PF em Confins deve ser intensificada nesta tarde de quarta-feira

 Com apenas quatro voos internacionais programados para a manhã desta quarta-feira (15), a movimentação no aeroporto internacional de Tancredo Neves, em Confins, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, foi tranquila, apesar do feriado e do protesto da Polícia Federal. De acordo com a Infraero nenhum desses voos sofreu atraso ou cancelamento. Os policiais estão realizando a operação-padrão no terminal cumprindo todos as exigências de segurança para um voo internacional e, com isso, nos últimos dias foram registradas longas filas nos terminais de embarque e desembarque do aeroporto de Confins. A intenção, porém, de acordo com os policiais do posto da PF em Confins é de que a operação seja intensificada no período da tarde, quando deve haver um maior número de passageiros nos voos internacionais.

Os grevistas vão se reunir nesta quinta-feira (16), na sede do Sindicato dos Policiais Federais de Minas Gerais (Sinpef), para discutir os rumos do movimento. Isso porque, na tarde desta quarta-feira, será realizada uma videoconferência nacional com representantes do Ministério de Planejamento, em Brasília, para discutir as reinvidicações dos policiais. Segundo o presidente do Sinpef, Renato Deslandes, as movimentações caminham para a manutenção da operação-padrão nos aeroportos. "Devemos intensificar as ações nesta quinta-feira em Confins a partir da parte do almoço, mas ainda precisamos da definição da videoconferência", afirmou.

A operação-padrão é um modo de a Polícia Federal mostrar a carência de pessoal para realizar os procedimentos de modo adequado. Eles contaram com o auxílio de cães farejadores e outros equipamentos. Além disso, é feita a checagem de todas as bagagens com cães farejadores e a inspeção de bolsas e malas pelo scanner.

O Sinpef informou que o protesto faz parte das ações do comando de greve da categoria, que reivindica a reestruturação da carreira, reajuste salarial e maior efetivo nos postos de fiscalização. Segundo o Sinpef, atualmente o aeroporto conta com o efetivo de apenas quatro policiais federais de plantão, enquando o contingente deveria ser de no mínimo dez funcionários.

Outra ação que faz parte do movimento é a emissão de passaportes apenas para pessoas que comprovem que precisam do documento com urgência. Diariamente, são emitidos cerca de 1.200 passaportes em Minas. Com a greve, este número foi reduzido em 95%.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.