sexta-feira, 17 de Junho de 2011 09:00h Assessoria comunicação ALMG

Professores aprovam, em assembleia, continuidade da greve

Cerca de 2.500 servidores da área da educação, principalmente professores de várias regiões do Estado, aprovaram a continuidade da greve da categoria, em assembleia na tarde desta quinta-feira, no Espaço Democrático José Aparecido de Oliveira, da Assembleia Legislativa de Minas Gerais. Os manifestantes reivindicam, entre outras questões, o pagamento pelo Governo do Estado do piso salarial aprovado pelo Governo Federal e endossado por decisão recente do Supremo Tribunal Federal. Também na manifestação, foi aprovada o calendário de lutas para os próximos dias. Estiveram presentes ao movimento os deputados Rogério Correia, Adelmo Carneiro Leão, Paulo Lamac e André Quintão, todos do PT.

 

 

Entre 17 e 20 de junho, serão promovidas ações de mobilização em várias regiões do Estado, culminando com o chamado "Dia D", em 22 de junho, quando serão realizados atos regionais. No dia 21, servidores da educação participam, em Juiz de Fora (Mata), do primeiro encontro regional do Fórum Técnico Segurança nas Escolas, por uma Cultura de Paz. Para o dia 28, está marcada nova assembleia geral da categoria, também no Espaço Democrático da ALMG.

 

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.