terça-feira, 9 de Setembro de 2014 11:33h

Próxima edição dos Concertos de Cravo será em Paracatu

Iniciativa da ALMG reúne várias ações culturais de valorização do Barroco mineiro e de seu ícone, o artista Aleijadinho.

A série Concertos Comentados de Cravo - Nosso Barroco Mineiro chega a Paracatu (Noroeste de Minas), no dia 19 de setembro. O evento é uma iniciativa da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG), em parceria com a Comissão OAB Cultural - Seção Minas Gerais. A apresentação será às 20 horas, na Igreja do Rosário (Largo do Rosário - Centro Histórico).

A série de recitais itinerantes integra a Agenda Comemorativa do Bicentenário da Morte de Aleijadinho, que reúne diversas iniciativas culturais de valorização desse artista mineiro, ícone do Barroco. Os eventos, cuja entrada é gratuita, têm como principal objetivo levar ao público de diversas regiões do Estado um pouco da música do período colonial mineiro, popularizando o estilo em sua perspectiva musical.

As peças serão executadas pelo cravista Antônio Carlos de Magalhães, que também comenta as obras sacras e profanas do século XVIII transcritas para o cravo, instrumento típico daquele período. O instrumento musical utilizado será um raro clavecin brisé (cravo dobrável) construído segundo Jean Marius (1713). De forma didática, o músico aborda aspectos musicais relevantes relacionados à obra, ao artista e ao instrumento. O evento contará, também, com a participação especial de corais da cidade.

Paracatu é a sétima cidade a sediar o espetáculo. Outros concertos já foram apresentados em Diamantina (Região Central do Estado), Caxambu (Sul de Minas), Nova Era (Região Central), Teófilo Otoni (Vale do Mucuri), Ipatinga (Vale do Aço) e Uberlândia (Triângulo Mineiro). Para os próximos recitais, serão visitados os municípios de São João del-Rei e Curvelo (ambos na Região Central do Estado); Montes Claros (Norte de Minas); Oliveira (Centro-Oeste do Estado); Viçosa (Zona da Mata), Belo Horizonte e Congonhas (Região Metropolitana de BH).

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.