Secretaria de Saúde desenvolve funcionalidade no SUS Fácil para gerir fila de cirurgias eletivas

A implantação da fila vai tornar possível o conhecimento das demandas e o planejamento das ações de maneira efetiva

A Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES) desenvolveu uma nova funcionalidade no Sistema Informatizado de Regulação – SUSFÁCIL/MG, para cadastramento na fila de cirurgias eletivas. A partir das informações coletadas no impresso de solicitação da cirurgia, será organizada e gerida uma fila para cadastramento.

De acordo com a diretora de Informação em Saúde da SES-MG, Marcela Teixeira, e a diretora de Regulação Assistencial, Wandha Karine, e o coordenador do Sistema de Informação Hospitalar, André Queiroga, antes da nova funcionalidade não existia uma gestão de fila no sistema SUSFÁCIL/MG.

“O cadastro de pacientes era realizado apenas para cumprimento dos ritos de autorização de internação hospitalar e agendamento do atendimento, mas sem gestão da fila”, explica André.

O município de origem do paciente será responsável por incluir a informação no sistema por paciente e procedimento. O desconhecimento da real demanda do estado por cirurgias eletivas e um acordo entre a SES-MG e o Colegiado de Secretarias Municipais de Saúde (COSEMS) foram os fatores que levaram à decisão de se desenvolver essa funcionalidade.

Ainda de acordo com a Secretaria, a implantação da fila das cirurgias eletivas vai tornar possível o conhecimento das demandas e o planejamento das ações de maneira efetiva, melhorando, assim, o atendimento aos pacientes.

Atualmente, a funcionalidade desenvolvida no SUS Fácil para cadastramento na fila das cirurgias eletivas está sendo testada pelos operadores da SES-MG e a previsão é que, até março de 2016, as alterações já tenham sido implementadas por completo.

 

Créditos: Ricardo Mello/Agência Brasil

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.