quarta-feira, 25 de Março de 2015 12:08h

Sistema Safra Pecuário da Emater-MG ajudará na análise do setor em Minas Gerais

Uma fonte de informações sobre a realidade da pecuária no Estado de Minas Gerais

Esse é o objetivo da Emater-MG com a implantação do Sistema Safra Pecuário, que começa a funcionar este mês. A expectativa da Empresa é que o sistema ajude na avaliação mais precisa da pecuária mineira e auxilie na execução de projetos e ações voltadas para o setor. Para ter acesso às informações consideradas estratégicas, os órgãos interessados devem solicitá-las à Emater-MG.

O sistema foi desenvolvido pela Unidade de Planejamento e Estratégia Corporativa da Emater-MG (Upec) em parceria com a Assessoria de Informática e o Departamento Técnico da Empresa. No Safra Pecuário irão constar informações sobre bovinocultura, suinocultura, avicultura, piscicultura, ovinocaprinocultura e apicultura. Os principais indicadores são produção, produtividade e o número de produtores, destacando-se quantos são agricultores familiares. “Com isso, podemos identificar qual é a participação e a importância da agricultura familiar na cadeia produtiva na pecuária mineira”, diz o coordenador técnico estadual de Planejamento e Gestão, Édson Spini Logato.

As informações serão coletadas em cada município pelos extensionistas da Emater-MG. Os dados serão lançados no Sistema Safra Pecuário, porém não ficarão disponíveis até que sejam validados pelos coordenadores regionais e estaduais da Emater-MG. No total serão 32 coordenadores regionais e cinco estaduais responsáveis pela verificação e liberação dos dados. Só então as informações ficarão disponíveis no sistema, que vai ser atualizado trimestralmente.

Segundo Logato, o sistema irá proporcionar um conhecimento mais amplo e preciso da atividade pecuária em cada município, facilitando a tomada de decisão dos órgãos competentes. “Será uma base de dados da pecuária que ajudará na elaboração e implantação de programas, projetos e ações. Isso vai contribuir para que essas iniciativas tenham resultado positivo”,disse. De acordo ainda com Logato, o sistema irá demonstrar a importância da pecuária para cada município e servirá também para comparar o desenvolvimento da atividade nas diferentes regiões do Estado.

Os interessados em utilizar os dados deverão solicitá-los à Emater-MG. Os principais públicos do Sistema Safra Pecuário são os governos federal, estaduais e municipais, parceiros da Emater-MG e os extensionistas da Empresa. O primeiro relatório do sistema será concluído em abril.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.