sexta-feira, 28 de Agosto de 2015 13:39h

Triângulo Mineiro terá primeiro concurso regional de Queijo Minas Artesanal

Júri popular irá ajudar na escolha do melhor queijo da região

Última região de Minas, até o momento, a ser reconhecida como produtora do Queijo Minas Artesanal, o Triângulo Mineiro promoverá no dia 3 de setembro, a primeira edição do seu concurso regional. O evento será durante a 52ª Exposição Agropecuária de Uberlândia - a Camaru 2015, no parque de exposições da cidade, às 13 horas, no estande do Governo de Minas. O concurso é uma realização da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Minas Gerais (Emater-MG), com o apoio do Sindicato Rural de Uberlândia e da prefeitura.

Participarão do concurso 11 produtores rurais. A região do Triângulo foi a sétima a ser  reconhecida como produtora de Queijo Minas Artesanal no Estado. Ela é composta por 10 municípios, mas apenas quatro deles estarão representados nesta edição: Araguari, Monte Alegre de Minas, Monte Carmelo e Uberlândia. “Como a maioria dos produtores de Queijo Minas Artesanal do Triângulo está em processo de legalização das queijarias, esse concurso é uma ferramenta de incentivo aos mesmos. Queremos que o produto seja reconhecido e valorizado pela sociedade e que esses produtores permaneçam na atividade, sendo exemplos para outros que queiram legalizar a produção”, explica Patrícia Freitas, coordenadora técnica de bem-estar social da Emater-MG e organizadora do evento.

De acordo com a coordenadora, um diferencial desse concurso será a participação popular. É que além do júri técnico, composto por sete profissionais da área (coordenadores técnicos regionais e estaduais que trabalham no programa do queijo da Emater-MG, do IMA e de outras instituições do setor), haverá um júri popular, formado pelos visitantes do estande. “Os presentes poderão participar, degustando os queijos e votando com valores qualitativos”, diz a bem-estar social da Emater-MG.

A sétima região produtora do Queijo Minas Artesanal foi reconhecida oficialmente pelo IMA em março de 2014, com a homologação publicada na Portaria 1.397/2014. Na ocasião foi dado o prazo de até dois anos para que os produtores da região do Triângulo regularizem as queijarias de acordo com as normas de produção do queijo, feito a partir do leite cru.

“A partir de então passou a ser desenvolvido na região, pela Emater-MG, o Programa Queijo Minas Artesanal, que trabalha com foco na qualidade do produto, buscando oferecer aos consumidores um produto de qualidade, bem como a incrementar a renda das famílias produtoras desse queijo”, ressalta Patrícia Freitas.

Atualmente, de acordo com a coordenadora da Emater-MG, cerca de 20 propriedades rurais produtoras estão passando pelo processo de legalização, nos municípios de Araguari, Cascalho Rico, Estrela do Sul, Indianópolis, Monte Alegre de Minas, Monte Carmelo, Nova Ponte, Romaria, Tupaciguara e Uberlândia.

Além do Triângulo Mineiro, as outas regiões do Estado reconhecidas como produtoras do Queijo Minas Artesanal são: Araxá, Canastra, Campo das Vertentes, Cerrado, Serra do Salitre e Serro.

Camaru 2015

Além do concurso de Queijo Minas Artesanal, a Emater-MG terá importante participação na Camaru 2015, que vai até o dia 7 de setembro. A programação prevê a realização de oito cursos, na área de processamento de alimentos, ministrados por técnicos da empresa durante todos os dias da exposição agropecuária, sempre no turno da tarde. São cursos para a fabricação de doces, conservas, tortas, quitandas, queijos e molhos.

O escritório da Emater-MG de Uberlândia também convida os interessados em participar da reunião de Chamada Pública do Leite, planejamento e uma palestra técnica sobre a cadeia produtiva do leite, no estande do Governo de Minas, no dia 2 de setembro, às 12h30.

Programação de cursos – Camaru 2015
Data / Horário/Curso

28/8 - sexta-feira
15h às 19h
doces (polpadas, doces em calda, doce de leite )

29/8 - sábado
15h às 19h
conservas (berinjela, abobrinha, cenoura e chutney de tomate verde)

30/8 - domingo
15h às 19h
tortas doces (tortas, mousses e cremes)

31/8 - segunda-feira
15h às 19h
Quitandas (pães, roscas, bolos e sequilhos)

1/9 - terça-feira
14 às 18h
Queijos (minas frescal e minas artesanal)

2/9 - quarta-feira
15h às 19h
tortas salgadas e lanches

3/9 - quinta-feira
15h às 19h
pimenta e molhos (curtir pimentas, molhos diversos)

4/9 - sexta-feira
14h às 18h
Queijos (Minas Frescal e Minas Artesanal)

 

Créditos: Alexandre Soares/Emater-MG

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.